1. Usuário
Assine o Estadão
assine
  • Comentar
  • A+ A-
  • Imprimir
  • E-mail

Cavaleiro venezuelano garantido na Olimpíada morre em acidente

- Atualizado: 05 Janeiro 2016 | 14h 20

Andrés Rodríguez bateu em um poste na cidade de Wellington

O cavaleiro venezuelano Andrés Rodríguez, classificado para os Jogos Olímpicos de 2016, no Rio de Janeiro, morreu nesta segunda-feira na cidade de Wellington, nos Estados Unidos, em um acidente de trânsito, segundo um comunicado divulgado no perfil do atleta no Facebook.

Rodríguez, de 31 anos, estava no veículo acompanhado de Sophie Walker, também amazona e esposa do cavaleiro Brian Walker, quando, após saírem de uma festa de aniversário, teria perdido o controle e batido em um poste de Wellington, que fica no condado de Palm Beach, na Flórida.

Rodríguez ganhou a medalha de prata no salto dos Jogos Pan-Americanos de 2015

Rodríguez ganhou a medalha de prata no salto dos Jogos Pan-Americanos de 2015

O cavaleiro venezuelano foi levado a um hospital próximo, mas morreu horas mais tarde, segundo a nota divulgada no Facebook, que explica que "as circustâncias do acidente ainda não estão claras". Já Sophie morreu ainda no local da batida.

Rodríguez ganhou a medalha de prata no salto dos Jogos Pan-Americanos de 2015, disputados em Toronto (Canadá). Além disso, venceu no ano passado 15 provas internacionais, entre elas o Grande Prêmio do CSI4 de Wellington.

 

Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Estadão.
É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Estadão poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os criterios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Você pode digitar 600 caracteres.

Mais em EsportesX