1. Usuário
Assine o Estadão
assine
  • Comentar
  • A+ A-
  • Imprimir
  • E-mail

Eventos-teste têm conscientizado os atletas sobre risco

- Atualizado: 27 Fevereiro 2016 | 17h 05

A ameaça de abandono dos Jogos do Rio em função do zika vírus também não se reflete na ocupação dos hotéis oficiais da Olimpíada. Segundo o Comitê Rio-2016, que monitora os 200 hotéis que receberão atletas, membros da família olímpica e jornalista, nenhuma reserva foi cancelada até sexta-feira.

Na avaliação de João Grangeiro, a vinda de atletas estrangeiros para a disputa de competições no Rio, como os eventos-teste realizados pelo comitê, tem ajudado a afastar o temor para a Olimpíada. “O que a gente tem observado é que, quando os atletas chegam para os eventos-teste, eles passam a conhecer a situação e ficam muito mais tranquilos. Eles competem com grande performance e acabam sendo proativos, repassando informações para outros competidores”, diz o chefe médico do Rio-2016.

Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Estadão.
É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Estadão poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os criterios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Você pode digitar 600 caracteres.

Mais em EsportesX