Alex Silva/Estadão
Alex Silva/Estadão

Indefinição sobre São Paulo atrapalha venda de ingressos para 2016

Corinthians não está disposto a custear adequações da Arena

RONALD LINCOLN JR., O Estado de S. Paulo

31 Março 2015 | 12h57

Atualizada às 14h10

A demora de um acordo sobre a utilização da Arena Corinthians na Olimpíada do Rio pode prejudicar os torcedores que pretendem comprar ingressos para as partidas de futebol em São Paulo. As duas primeiras fases de venda, que começa nesta terça-feira, terão sorteio e permitem que os ingressos sejam parcelados em até cinco vezes no cartão de crédito.

Se a definição da sede paulista do futebol não ocorrer até agosto deste ano, quando terminam as etapas de sorteio, os interessados em assistir as partidas só poderão adquirir os bilhetes na venda direta, em outubro, quando o pagamento será efetuado apenas à vista.

"Esses ingressos estão sendo vendidos a preços bem acessíveis", declarou Donovan Ferreti, diretor responsável pela área dos ingressos do Comitê Rio-2016, tentando amenizar um possível problema. Os bilhetes mais em conta custam R$ 40, para a etapa preliminar do futebol feminino.

O impasse ocorre porque o Corinthians não está disposto a custear as adequações pelas quais o estádio precisa passar para receber a Olimpíada. As intervenções são avaliadas em R$ 30 milhões. A direção do clube, a Prefeitura de São Paulo e o Comitê Rio-2016 estão negociando para viabilizar o estádio.

"Não há o menor interesse do Comitê Rio-2016 em prejudicar os torcedores. Nós estamos tranquilos que vai ser resolvido antes (do fim das fases de sorteio)", afirmou o diretor de comunicação do Comitê Rio-2016, Mario Andrada. "Mas, se infelizmente não conseguirmos, faremos a venda direta. Queremos São Paulo, não tem plano B."

A primeira fase de venda dos bilhetes estava prevista para iniciar às 14 horas desta terça-feira por meio do site do Comitê Rio-2016, mas as reservas já estavam disponíveis pela manhã - vai até 30 de abril. O sorteio será realizado em junho. No mês seguinte vai ocorrer nova fase de compras e os sorteados serão definidos em agosto.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.