Divulgação/IJF
Divulgação/IJF

David Moura e Maria Suelen Altheman conquistam o bronze no Grand Prix de Judô

Judocas das categorias acima de 100kg e acima de 78kg garantem os pódios do Brasil no 2.º dia de competições

Estadão Conteúdo

03 Dezembro 2017 | 10h34

O Brasil encerrou sua participação no Grand Prix de Judô, realizado em Tóquio, com duas medalhas de bronze, ambas conquistadas neste domingo. David Moura, na categoria para judocas com mais de 100kg, e Maria Suelen Altheman, entre as mulheres com mais de 78kg, foram os responsáveis pelos únicos pódios do Brasil na competição.

+ Rafaela Silva cai na estreia e Brasil fecha 1.º dia sem medalhas

David Moura venceu sua primeira luta, contra o austríaco Daniel Allerstorfer, por ippon, mas caiu na sequência para o japonês Kokoro Kageura. Na repescagem, porém, ele venceu outros dois japoneses, Takeshi Ojitani e Daiki Kamikawa, ambos por ippon, e ficou com a terceira colocação.

Já Maria Suelen Altheman bateu a taiwanesa Ling Fang Chang na estreia, por ippon, caiu na sequência para a japonesa Akira Sone, mas derrotou a lituana Sandra Jablonskyte, por ippon, e a japonesa Nami Inamori, com um wazari, para faturar o bronze.

O Brasil teve ainda outros três judocas no tatame neste domingo, mas ninguém mais conseguiu medalha. Eduardo Bettoni (-90kg) foi quem ficou mais perto, na quinta colocação. Ele venceu suas três primeiras lutas, contra o checo Jiri Petr, o alemão Eduard Trippel e o japonês Shoichiro Mukai, mas perdeu as duas seguintes, para o japonês Kenta Nagasawa e o georgiano Ushangi Margiani.

Os outros dois brasileiros que competiram neste domingo foram na categoria para judocas até 81kg. Eduardo Yudi Santos venceu o português João Martinho e o japonês Takeshi Sasaki, mas perdeu para o mongol Uuganbaatar Otgonbaatar e o francês Jonathan Allardon e ficou em sétimo. Já Victor Penalber passou pelo mexicano Samuel Ayala na estreia e caiu para o sul-coreano Sungho Lee logo na sequência.

Como isso, o Brasil fechou a participação no Grand Prix com duas medalhas de bronze entre os 14 judocas que lutaram. O País ficou na oitava colocação geral da competição, bem distante do Japão, que liderou o quadro de medalhas com 32 no total, sendo 12 de ouro.

Mais conteúdo sobre:
Judô David Moura Maria Suelen Altheman

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.