Kim Kyung-Hoon / Reuters
Kim Kyung-Hoon / Reuters

Aos 46 anos, Kimiko Date se aposenta do tênis após derrota sem vencer um game

Japonesa foi campeã de oito torneios da WTA; Date já havia se aposentado em 1996, para retornar em 2008

Estadão Conteúdo

12 Setembro 2017 | 10h38

A carreira da veterana tenista Kimiko Date chegou ao fim e com uma acachapante derrota. Nesta terça-feira, a japonesa de 46 anos foi eliminada na primeira rodada do Torneio de Tóquio, de nível WTA International, e deixou as quadras ao perder para a sérvia Aleksandra Krunic por 2 sets a 0, com um duplo 6/0, em apenas 49 minutos.

Kimiko, que se aposentou do tênis em 1996 e fez o seu retorno em 2008, havia anunciado na semana passada que este torneio em Tóquio seria o último da sua carreira. A japonesa afirmou que sofria com dores no joelho e nos ombros. Ela passou por uma segunda cirurgia no joelho esquerdo em abril de 2016.

"Não consegui jogar o meu jogo, mas tentei vencer", disse Kimiko. "É uma grande lembrança para mim jogar em Tóquio. Os fãs aqui me apoiam muito e, claro, meus amigos estavam aqui e meus patrocinadores estavam aqui, então foi emocionante", acrescentou a japonesa, que venceu apenas 13 dos 64 pontos que disputou na sua partida de despedida, diante de Krunic, a número 67 do mundo.

Na sua carreira, Kimiko disputou 15 finais de eventos de simples no circuito da WTA e foi campeã oito vezes, sendo que a primeira conquista da sua carreira foi em 1992, também em uma competição em Tóquio, e o último em 2009, do Torneio de Seul. A japonesa também disputou dez decisões de duplas, faturando seis títulos.

Além disso, nos torneios do Grand Slam, Kimiko foi semifinalista do Aberto da Austrália em 1994, de Roland Garros em 1995 e de Wimbledon em 1996. A japonesa disputou três vezes o WTA Finals e chegou a ocupar a quarta posição do ranking mundial no fim de 1995, atrás apenas de Steffi Graf, Monica Seles e Arantxa Sanchez.

Mais conteúdo sobre:
Tênis

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.