1. Usuário
Assine o Estadão
assine

ATP aumenta prêmios e eleva peso de torneios na grama

AE-AP - Agência Estado

08 Novembro 2013 | 10h 53

Premiação passará dos R$ 39,9 milhões deste ano para cerca de R$ 71 milhões em 2018

LONDRES - A ATP anunciou nesta sexta-feira que a premiação em dinheiro dos torneios de terceiro nível, os ATPs 500, vão aumentar a sua premiação em média 10% por ano nas próximas cinco temporadas. Essa elevação fará com que a premiação suba dos US$ 17,3 milhões (aproximadamente R$ 39,9 milhões) deste ano para US$ 30,8 milhões (R$ 71 milhões) em 2018.

Os ATPs 500 representam o terceiro nível de torneios do circuito masculino, atrás dos quatro Grand Slams (Aberto da Austrália, Roland Garros, Wimbledon e US Open) e dos Masters 1000 (Indian Wells, Miami, Montecarlo, Madri, Roma, Cincinnati, Montreal ou Toronto, Xangai e Paris). Além disso, a ATP definiu que dois torneios de preparação para Wimbledon, disputados em quadras de grama, mudarão de status. Os Torneios de Queen''s e de Halle deixarão de ser classificados como ATP 250, passando a ser ambos ATPs 500. Além disso, o intervalo entre a final de Roland Garros e o início de Wimbledon aumentará de duas para três semanas a partir de 2015.

Com essa definição, o número de torneios de nível ATP 500 na temporada passarão de 11 para 13. Queen''s e Halle se juntam a Roterdã, Dubai, Rio, que será disputado pela primeira vez em 2014, Acapulco, Barcelona, Hamburgo, Washington, Tóquio, Pequim, Valência e Basileia na relação. A ATP define que os principais tenistas precisam disputar ao menos quatro torneios desse nível no ano, sendo um deles após o US Open.