ATP deve diminuir multa de Hewitt

Mark Miles, presidente da Associação dos Tenistas Profissionais (ATP), disse nesta quinta-feira que a pena imposta ao tenista australiano Lleyton Hewitt, em Cincinnati ? multa de US$ 103 mil ?, por se recusar a dar uma entrevista combinada para uma emissora de tevê, pode ser reduzida. Miles afirmou que o valor pode baixar para US$ 10 mil ou US$ 20 mil. O dirigente se manifestou depois que o número 1 do mundo ameaçou não jogar todo o calendário de torneios do ano que vem. ?Seria uma entrevista importante, que levaria no máximo 10 ou 15 minutos, mas o valor da multa ? metade do prêmio destinado ao campeão ? não se justifica. Deste ponto-de-vista, não é um problema de US$ 100 mil.? Os jogadores são obrigados pela ATP a participar de entrevistas ? normalmente em coletivas ? depois das partidas.

Agencia Estado,

29 Agosto 2002 | 19h34

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.