Tiago Queiroz/Estadão
Tiago Queiroz/Estadão

Brasil terá apenas Bia Haddad na chave principal de simples na Austrália

No masculino, Rogério Dutra Silva aguarda duas desistências para entrar direto no torneio

Estadão Conteúdo

06 Dezembro 2017 | 18h20

O tênis brasileiro terá apenas um representante nas chaves principais de simples do Aberto da Austrália. Será Beatriz Haddad Maia, confirmada na chave feminina pela organização do Grand Slam, nesta quarta-feira. No masculino, Rogério Dutra Silva aguarda duas desistências para entrar direto no torneio disputado em Melbourne.

+ Perto de alcançar números de Guga, Marcelo Melo celebra melhor ano da carreira

+ Melo projeta Davis, mas não confirma presença no Rio Open e em São Paulo

Bia entrou direto na chave principal porque ocupa atualmente a 71ª colocação do ranking da WTA. Ela obteve a vaga com tranquilidade porque a última classificada é a colombiana Mariana Duque Mariño, atual 107ª do mundo. Assim, Bia disputará o Aberto da Austrália pela primeira vez na carreira, e logo direto na chave principal.

Na chave masculina, o Brasil por enquanto não tem representantes. Rogerinho, atual 102º do mundo, estava dentro da lista de corte, que geralmente contempla até o 104º colocado. Mas acabou ficando de fora porque quatro tenistas entraram no grupo de classificados com o ranking protegido. O brasileiro, assim, precisa de duas desistências para entrar na relação.

Thomaz Bellucci e Thiago Monteiro tem chances bem menores de entrar direto. Os dois devem disputar a fase de qualifying do primeiro Grand Slam da temporada, que tem início em 15 de janeiro.

FAVORITOS

A lista de entradas da chave masculina inclui os favoritos Rafael Nadal e Roger Federer e também os tenistas que ficaram de fora do circuito nos últimos meses, casos de Novak Djokovic, Andy Murray e Stan Wawrinka. O japonês Kei Nishikori e o canadense Milos Raonic, outros que finalizaram o ano de forma precoce em razão de problemas físicos, também foram incluídos na lista.

No feminino, a maior novidade é a norte-americana Serena Williams. Afastada durante a maior parte do ano, por causa de gravidez, a nova mamãe do circuito foi inscrita em Melbourne e deve fazer seu retorno às quadras logo no Grand Slam. "Ela já conseguiu o seu visto, está inscrita e está treinando", declarou nesta quarta o diretor do torneio, Craig Tiley.

A baixa na lista direta na chave principal é a bielo-russa Victoria Azarenka, que tem jogado pouco nos últimos meses em razão de um imbróglio judicial com o pai do seu filho. Para competir na Austrália, ela deve contar com um convite da organização.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.