1. Usuário
Assine o Estadão
assine

Djokovic perde set para Gulbis, mas vai à final em Roland Garros

Agência Estado

06 Junho 2014 | 11h 21

Após triunfo, tenista sérvio espera na decisão o vencedor do duelo entre Rafael Nadal e Andy Murray, que jogam ainda nesta sexta-feira

Novak Djokovic confirmou o favoritismo e espantou a "zebra" nesta sexta-feira ao vencer o letão Ernests Gulbis por 3 sets a 1, com parciais de 6/3, 6/3, 3/6 e 6/3. A vitória garantiu o tenista sérvio na final de Roland Garros, título que lhe falta para completar o Grand Slam.

Na decisão, ele enfrentará o vencedor de Rafael Nadal, dono de oito troféus no saibro de Paris, e Andy Murray, atual campeão de Wimbledon. A segunda semifinal será disputada ainda nesta sexta e pode ser decisiva para Djokovic não apenas pela definição do seu adversário na final. Em caso de derrota de Nadal, o sérvio terá assegurado o retorno à liderança do ranking.

No próximo domingo, o atual número dois do mundo vai disputar sua segunda final em Roland Garros - na primeira, perdeu de Nadal, em 2012. Será ainda sua 13ª final de Slam, na qual buscará seu sétimo título em torneios deste nível.

Pascal Guyot/AFP
Djokovic está em busca de seu primeiro título em Roland Garros

Gulbis, por sua vez, encerrou grande campanha em Paris, a sua melhor em um Slam. Para chegar à semifinal, eliminou tenistas do calibre de Roger Federer e Tomas Berdych, este com relativa facilidade.

Apesar do embalo, a surpresa do campeonato não conseguiu repetir nesta sexta o desempenho das partidas anteriores. Falhou mais (foram 44 erros não forçados, contra 25 de Djokovic) e perdeu parte da intensidade de jogo.

Assim, sustentou um jogo equilibrado no início da partida, mas não manteve o padrão do sérvio, que logo quebrou o saque no quinto game e abriu vantagem no set inicial. Na segunda parcial, Djokovic manteve o ritmo e aproveitou a única chance cedida pelo rival.

Depois de estar aquém do favorito nas duas primeiras parciais, Gulbis lutou mais no terceiro set e conseguiu reequilibrar o duelo. Aproveitou sua oportunidade, quebrou o saque de Djokovic e reduziu sua vantagem no placar, forçando o quarto set.

O sérvio, porém, recuperou-se rapidamente e não demorou para abrir vantagem na quarta parcial. Gulbis devolveu a quebra, mas logo caiu de rendimento e viu Djokovic impor nova quebra, fechando o set e o jogo.