DGW Comunicação
DGW Comunicação

Feijão joga mal e perde de argentino no quali de Roland Garros

Brasileiro perdeu por 2 sets a 0 para Leonardo Mayer

O Estado de S.Paulo

22 Maio 2017 | 11h02

O tênis brasileiro começou mal nesta edição de Roland Garros. João Souza, o Feijão, foi eliminado logo na rodada de abertura do qualifying do Grand Slam francês, cuja chave principal começará no domingo. Único brasileiro no quali masculino, Feijão foi batido por um velho conhecido, o argentino Leonardo Mayer, por 2 sets a 0, com parciais de 6/2 e 6/1.

Atual 154º do ranking, Mayer dominou o brasileiro com facilidade e cedeu apenas três games. Feijão chegou a perder 11 games em sequência, praticamente sem oferecer resistência ao rival. Com esta série, o argentino venceu o set inicial e abriu 5/0 na segunda parcial, sacramentando a vitória em apenas 1h05min.

O duelo havia gerado certa expectativa no quali de Roland Garros porque os dois tenistas têm no retrospecto a partida mais longa da história da Copa Davis. Há dois anos, Mayer venceu uma batalha de 6h42min contra o brasileiro em duelo válido pela primeira rodada do Grupo Mundial da Davis, em solo argentino.

Com a derrota e eliminação de Feijão, o Brasil define seus representantes na chave principal masculina de Roland Garros. Serão três os tenistas: Thomaz Bellucci, Thiago Monteiro e Rogério Dutra Silva.

No feminino, o Brasil conta somente com Beatriz Haddad Maia, que disputará o qualifying. Bia Haddad ainda não tem data confirmada para estrear no saibro de Paris. Ela deve entrar em quadra nesta terça ou quarta. Embalada por bons resultados na Europa, ela será a terceira cabeça de chave do quali.

Mais conteúdo sobre:
Tênis

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.