AP/Andrew Medichini
AP/Andrew Medichini

Fora de Roland Garros, Sharapova recebe convite para torneio pré-Wimbledon

Russa, que voltou de suspensão por doping, ficou fora de Grand Slam francês

Estadão Conteúdo

18 Maio 2017 | 14h22

Depois de ter convite para Roland Garros negado pela Federação Francesa de Tênis, a tenista russa Maria Sharapova segue com chance de participar da próxima edição de Wimbledon. Nesta quinta-feira, ela recebeu um convite para jogar o Torneio de Birmingham, que começa no dia 19 de junho, duas semanas antes do tradicional Grand Slam realizado em Londres.

Campeã do Grand Slam britânico em 2004, a russa esteve suspensa nos últimos 15 meses por doping, após exame ter flagrado o uso da substância Meldonium, que se tornou proibida desde 1º de janeiro de 2016. Durante o tempo de punição, a tenista russa ficou totalmente afastada das competições, sem conseguir defender os pontos conquistados na temporada anterior.

O chefe-executivo da Associação Britânica de Tênis em Grama (LTA, na sigla em inglês), Michael Downey, disse que a russa vai participar do Torneio de Birmingham nesta temporada e também no ano que vem. "Sabemos que é uma decisão que nem todos vão concordar. Porém, Maria cumpriu sua pena e agora está de volta para jogar tênis de alta qualidade", ressaltou.

Na última terça-feira, Sharapova não resistiu a uma lesão muscular na coxa esquerda, precisou abandonar o confronto contra a croata Mirjana Lucic-Baroni e acabou eliminada na segunda rodada do Torneio de Roma.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.