Wallace Woon / EFE
Wallace Woon / EFE

Garcia bate Wozniacki e vai à semi do Masters da WTA; Halep perde e é eliminada

Francesa levou pneu no primeiro set, mas venceu dois sets seguintes e avança como líder do grupo

Estadão Conteúdo

27 Outubro 2017 | 12h26

A francesa Caroline Garcia chegou a levar um "pneu" nesta sexta-feira, mas foi buscar uma surpreendente virada para vencer a dinamarquesa Caroline Wozniacki por 2 sets a 1, com parciais de 0/6, 6/3 e 7/5, e garantir vaga nas semifinais do Masters da WTA, torneio que reúne as oito melhores tenistas da temporada em Cingapura.

+ Venus vence, elimina Muguruza e avança às semifinais do Masters da WTA

+ Martina Hingis vai se aposentar pela 3ª vez após o Masters da WTA

De quebra, a atual oitava colocada do ranking mundial se garantiu na próxima fase como líder do Grupo Vermelho da competição, ultrapassando justamente Wozniacki, sexta tenista do mundo, que vinha embalada por duas vitórias, já entrou em quadra classificada e acabou avançando como segunda colocada da chave.

No outro jogo que fechou este Grupo Vermelho nesta sexta-feira, a ucraniana Elina Svitolina derrotou a romena Simona Halep por 2 sets a 0, com parciais de 6/3 e 6/4, eliminando a atual líder do ranking mundial da competição. Com o triunfo de Garcia, porém, a quarta tenista da atualidade também deu adeus ao Masters.

Garcia ainda fez história para o seu país ao se tornar a primeira francesa, desde 2006, a avançar às semifinais deste importante evento do circuito da WTA. A última a ter obtido este feito havia sido Amelie Mauresmo, que foi finalista deste torneio há 11 anos.

Com a sua expressiva vitória nesta sexta, Garcia avançou para enfrentar nas semifinais a norte-americana Venus Williams, que terminou a primeira fase como vice-líder do Grupo Branco. Já o outro duelo que valerá vaga na decisão será entre Wozniacki e a checa Karolina Pliskova, líder desta última chave. As duas partidas serão neste sábado.

No primeiro jogo realizado nesta sexta, Garcia deu a impressão de que estava prestes a dar adeus ao Masters ao ser arrasada pela sua xará dinamarquesa no primeiro set do confronto entre as duas. Sem ter o saque ameaçado na parcial, a número 6 do mundo ainda converteu três de quatro break points para aplicar o 6/0 e abrir vantagem com um "pneu".

A francesa, porém, não se abalou e iniciou uma reação no segundo set. Mesmo tendo o seu serviço quebrado por mais uma vez, aproveitou três de seis chances de ganhar games no saque da adversária para fazer 6/3 e empatar o duelo. Em seguida, na terceira parcial, Garcia voltou a sofrer uma quebra, mas converteu dois de sete break points para fechar a partida com um 7/5.

Assim, fechou a sua campanha na primeira fase com duas vitórias e uma derrota, mesmo retrospecto de Wozniacki, que acabou ficando atrás da francesa nos critérios de desempate.

HALEP DECEPCIONA DE NOVO

Já Halep, que também entrou neste Masters defendendo a sua permanência na liderança do ranking mundial, voltou a decepcionar ao cair em apenas 1h10min de confronto com Svitolina. A ucraniana liquidou a partida em sets diretos ao aproveitar três de cinco chances de quebrar o saque da romena, que converteu o único break point cedido pela sua rival em toda a partida.

Esse foi o terceiro ano seguido em que Halep é eliminada na primeira fase do Masters da WTA, do qual foi vice-campeã em 2014, quando foi derrotada na decisão pela norte-americana Serena Williams.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.