1. Usuário
Assine o Estadão
assine
  • Comentar
  • A+ A-
  • Imprimir
  • E-mail

Kerber bate Azarenka e faz semifinal com surpresa britânica

- Atualizado: 27 Janeiro 2016 | 09h 48

Alemã encara Johanna Konta na próxima fase na Austrália

As semifinais da chave feminina do Aberto da Austrália estão definidas e uma delas será disputada entre a alemã Angelique Kerber e a britânica Johanna Konta. Nesta quarta-feira, elas superaram a bielo-russa Victoria Azarenka e a chinesa Shuai Zhang, respectivamente, em sets diretos e agora vão se enfrentar nesta quinta-feira, em busca de uma vaga na decisão.

Número 6 do mundo, Kerber venceu cinco games consecutivos na segunda parcial e salvou cinco sets points para derrotar a bielo-russa Victoria Azarenka, 16ª colocada no ranking da WTA e dona de dois títulos do Aberto da Austrália, por 6/3 e 7/5, em 1 hora e 45 minutos

Alemã Angelique Kerber jamais havia avançado às semifinais do Aberto da Austrália 

Alemã Angelique Kerber jamais havia avançado às semifinais do Aberto da Austrália 

Kerber assegurou o seu triunfo no 12º game do segundo set, quando quebrou o saque de Azarenka, garantindo a sua primeira vitória em sete duelos com a bielo-russa. Azarenka, aliás, estava invicta em 2016, com nove vitórias, nenhum set perdido e o título do Torneio de Brisbane, conquistado exatamente diante da tenista alemã na decisão.

"Apenas acredite que você pode vencê-la. Simplesmente esqueça a pontuação, apenas jogue, vá em frente e tente jogar o melhor que você puder jogar", afirmou Kerber, revelando o que pensou para superar a pressão de nunca ter batido Azarenka e também de estar perdendo o segundo set por 5/2.

Kerber jamais havia avançado às semifinais do Aberto da Austrália e nunca disputou uma decisão dos torneios do Grand Slam - a alemã parou nas semifinais do US Open em 2011 e de Wimbledon em 2012.

Aberto da Austrália 2016
Lukas Coch|EFE
Djokovic

Djokovic conquistou o Aberto da Austrália após bater Andy Murray por 3 sets a 0 na decisão

Nas semifinais, Kerber terá pela frente Konta, a número 47 do mundo, que bateu a chinesa Shuai Zhang, 133ª colocada no ranking e que veio do qualifying, por 6/4 e 6/1, em 1 hora e 22 minutos. Assim, se tornou a primeira britânica a avançar às semifinais de um dos torneios do Grand Slam desde 1983.

A última britânica a alcançar tal feito havia sido Jo Durie na edição de 1983 do US Open. Agora, porém, Konta igualou a marca. Nascida em Sydney, ela viveu desde a sua infância na Grã-Bretanha e se naturalizou em 2012.

Konta, que nunca havia participado da chave principal do Aberto da Austrália, surpreendeu logo na primeira rodada em Melbourne ao superar a norte-americana Venus Williams, dona de sete títulos dos torneios do Grand Slam. Já nas oitavas de final, avançou após uma batalha de 3 horas com a russa Ekaterina Makarova, que foi semifinalista do torneio no ano passado.

Eliminada, Zhang fez uma campanha surpreendente no Aberto da Austrália. A chinesa nunca havia vencido sequer um jogo nos torneios do Grand Slam, com 14 derrotas. Mas dessa vez ela avançou até as quartas de final, tendo "furado" o qualifying, em uma sequência de sete triunfos que só foi interrompida nesta quarta.

A outra semifinal do Aberto da Austrália foi definida na última terça-feira e será entre a norte-americana Serena Williams, seis vezes campeã em Melbourne, e a polonesa Agnieszka Radwanska. Este duelo também está marcado para quinta-feira. A decisão da chave feminina do primeiro Grand Slam da temporada vai ser no sábado.

Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Estadão.
É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Estadão poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os criterios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Você pode digitar 600 caracteres.

Mais em EsportesX