Lionel Bonaventure/AFP
Lionel Bonaventure/AFP

Nadal abre luta por 10º título em Paris com vitória fácil; Djokovic também vence

Em busca do décimo título em Roland Garros, espanhol passa fácil por Benoit Paire

Estadao Conteudo

29 Maio 2017 | 11h58

Nove vezes campeão de Roland Garros, Rafael Nadal abriu nesta segunda-feira a sua campanha em busca de um histórico décimo título do Grand Slam francês com uma fácil vitória sobre o tenista local Benoit Paire, batido por 3 sets a 0, com parciais de 6/1, 6/4 e 6/1, em 1h52min de confronto válido pela primeira rodada da chave principal masculina. Além do espanhol, o sérvio Novak Djokovic, atual campeão do grande evento realizado em quadras de saibro em Paris, também estreou com um triunfo ao passar pelo espanhol Marcel Granollers por 6/3, 6/4 e 6/2.

Com a vitória na primeira rodada, Nadal se credenciou para enfrentar na próxima fase o holandês Robin Haase, que no último sábado superou o australiano Alex de Minaur, convidado da organização, com parciais de 6/2, 6/3 e 6/1, em sua estreia.

Posicionados do mesmo lado da chave, Nadal e Djokovic poderão se enfrentar em uma possível semifinal nesta edição de Roland Garros, no qual o atual vice-líder do ranking mundial terá como seu próximo rival o português João Sousa. Em outro duelo já encerrado nesta segunda, o tenista de Portugal derrotou Janko Tipsarevic por 3 sets a 1, de virada, com 4/6, 7/6 (7/3), 6/2 e 6/2, e evitou um possível confronto sérvio na segunda rodada.

Quarto cabeça de chave em Paris, Nadal só teve maiores dificuldades de confirmar favoritismo diante de Paire, atual 45º colocado da ATP, no segundo set do duelo, no qual o francês chegou a conquistar duas quebras de saque, mas viu o hoje quarto tenista do mundo converter três de seis break points para fazer 6/4.

Já nas outras duas parciais, Nadal não teve o seu serviço sequer ameaçado por nenhuma vez e ainda aproveitou cinco de 12 oportunidades de quebra para aplicar 6/1 por duas vezes e avançar sem grandes sustos na capital francesa.

Djokovic, por sua vez, teve um pouco mais de dificuldades para confirmar favoritismo diante de Marcel Granollers, atual 77º colocado da ATP. O espanhol chegou a quebrar o saque do sérvio por quatro vezes, mas o número 2 do mundo compensou o fato ao converter oito de 20 break points para encaminhar o seu triunfo em sets diretos.

Garantido na segunda rodada, Djokovic esteve presente em quatro das últimas cinco finais de Roland Garros, mas perdeu três delas, sendo duas para Nadal, em 2012 e 2014, antes de cair novamente em 2015, contra o suíço Stan Wawrinka. Depois disso, finalmente quebrou o jejum de títulos no Grand Slam francês no ano passado, quando superou o britânico Andy Murray.

Já Nadal tenta voltar à final após dois anos ausente do jogo que valeu o título em Paris. Antes disso, ele se consagrou campeão em 2005, 2006, 2007, 2008, 2010, 2011, 2012, 2013 e 2014.

RAONIC E CILIC TAMBÉM VENCEM

Vários outros jogos já foram encerrados nesta segunda-feira pelo torneio de simples masculino em Paris. Em um deles, o canadense Milos Raonic, quinto cabeça de chave, estreou com vitória sobre o belga Steve Darcis com parciais de 6/3, 6/4 e 6/2.

Assim, Raonic avançou para encarar na próxima fase o ganhador da partida entre o brasileiro Rogério Dutra Silva e o russo Mikhail Youzhny, também prevista para ser encerrada neste dia de confrontos.

O croata Marin Cilic, por sua vez, justificou a condição de sétimo cabeça de chave ao aplicar triplo 6/3 sobre o letão Ernests Gulbis em sua estreia e avançar para encarar na segunda rodada o ganhador da partida entre o argentino Federico Delbonis e o russo Konstantin Kravchuk.

Outro que confirmou a condição de favorito na estreia foi o belga David Goffin. Décimo cabeça de chave, ele atropelou o francês Paul-Henri Mathieu por triplo 6/2. Com o triunfo, Goffin foi à segunda rodada e terá como próximo rival o ucraniano Sergiy Stakhovsky, que abriu campanha derrotando o taiwnanês Yen-Hsun Lu por 6/3, 6/4 e 7/6 (7/4).

OUTROS JOGOS

O espanhol Roberto Bautista Agut e o norte-americano Steve Johnson foram outros dois tenistas que venceram na condição de cabeças de chave em outros duelos já encerrados nesta segunda. Já o norte-americano Jack Sock caiu diante do checo Jiri Vesely por 3 sets a 0 e foi eliminado na estreia como 14º pré-classificado. O francês Gilles Simon, 31º cabeça de chave, foi outro a cair na primeira rodada ao ser batido por 3 sets a 1 pelo georgiano Nikoloz Basilashvili.

O italiano Simone Bolelli, o argentino Diego Schwartzman, o sérvio Viktor Troicki e o britânico Aljaz Bedene, o croata Borna Coric e o italiano Andreas Seppi foram outros que estrearam com vitória em duelos já terminados nesta segunda em Roland Garros.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.