François Xavier/ AFP
François Xavier/ AFP

Novak Djokovic anima público e Azarenka reaparece em Roland Garros neste sábado

Sem partidas oficiais, sérvio e bielo-russa participam de evento na quadra central

Felipe Rosa Mendes, Estadao Conteudo

27 Maio 2017 | 16h38

A véspera do início das chaves principais de Roland Garros foi marcado por animação, muitas famílias e crianças e forte calor no complexo do Grand Slam, em Paris. Sem jogos oficiais, a maior atração deste sábado foi a presença inesperada da bielo-russa Victoria Azarenka em evento na quadra central, a Philippe Chatrier. Na sequência, o midiático sérvio Novak Djokovic empolgou os fãs com brincadeiras e irreverência no principal evento do Kids Day.

Victoria Azarenka não compete desde julho do ano passado, quando anunciou a sua gravidez. Em dezembro ela deu à luz ao filho Leo. E, após alguns meses, retomou os treinos. Na semana passada, avisou que iria antecipar o seu retorno para alguma competição na grama, como preparação para Wimbledon, que começará no dia 3 de julho, em Londres. Sua presença no Grand Slam britânico está garantida porque Azarenka contará com ranking protegido, sem precisar de convite ou de disputas no qualifying.

Em Paris, neste sábado, Victoria Azarenka deu saques na Philippe Chatrier durante atividade comandada pelo local Michael Llodra, já aposentado. Também atendeu os fãs e brincou com a torcida, assim como Novak Djokovic, maior astro do evento. O atual campeão entrou em quadra ovacionado pela torcida, que ficou de pé para aplaudir o sérvio.

Durante as brincadeiras, o número 2 do mundo não decepcionou. Interagiu com os fãs, trocou de lugar com um pegador de bolas e tentou se esconder no "buraco" reservado às câmeras de TV na parede atrás da linha de base da quadra. Depois ajudou um participante a acertar um dos alvos, que ele mesmo levantou do outro lado da quadra, para facilitar a vitória do rival na disputa de saques. Mais cedo, a espanhola Garbiñe Muguruza, atual campeão no feminino, também participou da atividade.

Ao fim das brincadeiras, Novak Djokovic retornou à quadra principal para mais um treino com o técnico norte-americano Andre Agassi, novamente discreto, enquanto que o sérvio disputava um amistoso com Pablo Cuevas. O uruguaio dominou as ações na maior parte do tempo e protagonizou os melhores lances.

Enquanto isso na Suzanne Lenglen, a segunda quadra em importância no complexo, recebeu amistosos entre tenistas do Top 50. As partidas serviram como evento-teste para avaliar placar, posicionamento de câmeras e logística de público antes do início das disputas da chave principal neste domingo.

Evento tradicional dos grandes torneios de tênis, o Kids Day atraiu muitas famílias à Roland Garros, neste sábado, com ingressos a 20 euros. Trupes de música, atores personificando tenistas com roupas do início do século passado e sorvetes deram o tom do dia, marcado pelo forte calor, com temperaturas superando os 32 graus Celsius ao longo da tarde, e fizeram o complexo lembrar um parque de diversões para os fãs de tênis.

BRASILEIROS

A reportagem do jornal O Estado de S.Paulo acompanhou os treinos de Thomaz Bellucci, Thiago Monteiro, Bruno Soares e Beatriz Haddad Maia neste sábado. Bellucci e Monteiro treinaram quase ao mesmo tempo. O número 1 do Brasil exibiu força física e bons golpes de forehand em atividade com o colombiano Santiago Giraldo. Monteiro trocou bolas com o português Gastão Elias.

Na sequência, Bia Haddad Maia retomou a sua preparação para a estreia na chave principal. Na última sexta-feira, ela venceu o seu terceiro jogo no qualifying e obteve a vaga em um Grand Slam pela primeira vez na carreira. Ela deve estrear entre segunda e terça-feira, assim como Thiago Monteiro e Rogério Dutra Silva. Thomaz Bellucci estreará já neste domingo contra o sérvio Dusan Lajovic.

Bruno Soares, que deve jogar somente a partir de terça-feira, treinou com o parceiro, o escocês Jamie Murray. A atividade contou com a presença do jovem João Ferreira, que tem o mesmo técnico de Soares e treina no mesmo local, em Belo Horizonte. Ferreira, de 16 anos, disputou na última sexta-feira o Rendez-Vous à Roland Garros, seletiva que dá vaga na chave juvenil, mas não teve sucesso.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.