1. Usuário
Assine o Estadão
assine


Novak Djokovic derrota Querrey e vai às oitavas de final no US Open

Estadão Conteúdo

30 Agosto 2014 | 16h 41

Número um do mundo não encontra dificuldades para bater norte-americano por 3 sets a 0. São 42 vitórias em 28 partidas em 2014

O sérvio Novak Djokovic segue firme na luta pelo seu segundo título do US Open, quarto Grand Slam da temporada, disputado em Nova York. Neste sábado, o número 1 do mundo avançou às oitavas de final ao derrotar o norte-americano Sam Querrey, 57º colocado no ranking da ATP, por 3 sets a 0, com parciais de 6/3, 6/2 e 6/2, em 1 hora e 26 minutos.

A vitória confirmou o excelente retrospecto de Djokovic diante de Querrey, agora com oito vitórias em nove partidas. Além disso, o sérvio passou a somar 42 vitórias em 48 jogos disputados em 2014, ano em que foi campeão em Wimbledon. Com esse triunfo, Djokovic se classificou pela 22ª vez consecutiva para as oitavas de final de um Grand Slam - a última vez em que caiu antes na edição de 2008 de Roland Garros, quando foi eliminado na terceira rodada.

Em busca de seu oitavo título de torneios do Grand Slam e da quinta final consecutiva no US Open, Djokovic terá pela frente nas quartas de final o vencedor do confronto entre o norte-americano John Isner, número 15 do mundo, e o alemão Philipp Kohlschreiber, 25º colocado no ranking.

Matt Rourke/AP
Djokovic segue firme em busca de seu segundo título do US Open

Neste sábado, Djokovic começou a partida de forma arrasadora, tanto que abriu 5/0. Querrey até devolveu uma quebra de serviço, mas foi batido no primeiro set por 6/3. Em vantagem, o sérvio seguiu bem superior, praticamente repetindo o mesmo roteiro e encaminhando a sua vitória no começo de cada parcial.

No segundo set, Djokovic abriu 3/0 e, com mais uma quebra de saque, fechou a parcial em 6/2. Depois, chegou a liderar o terceiro set por 5/1 e o venceu por 6/2, avançando às oitavas de final do US Open.

Número 6 do mundo, o canadense Milos Raonic se garantiu nas oitavas de final graças um desempenho impecável nos tie-breaks. Neste sábado, ele derrotou o dominicano Victor Estrella Burgos, 80º colocado no ranking, por 3 sets a 0, com parciais de 7/6 (7/5), 7/6 (7/5) e 7/6 (7/3), em 2 horas e 43 minutos.

Raonic disparou 22 aces na partida e até agora venceu os seis tie-breaks que disputou na atual edição do US Open. Nas oitavas de final, o canadense terá pela frente o japonês Kei Nishikori. Neste sábado, o número 13 do mundo derrotou o argentino Leonardo Mayer, 26º colocado no ranking, por 3 sets a 0, com parciais de 6/4, 6/2 e 6/3. Nishikori lidera o confronto direto com Raonic por 2 a 1.