1. Usuário
Assine o Estadão
assine

'Perdi no detalhe', diz Bellucci após queda para Stan Wawrinka

Estadão Conteúdo

28 Agosto 2014 | 12h 41

Superado pelo suíço Stan Wawrinka em um jogo no qual deu bastante trabalho para o atual quarto tenista do ranking mundial, Thomaz Bellucci acredita que os erros cometidos nos momentos decisivos do confronto encerrado na madrugada desta quinta-feira o impediram de surpreender o rival na segunda rodada do US Open. O brasileiro caiu por 3 sets a 1, com 6/3, 6/4, 3/6 e 7/6 (7/1), após mais de duras horas e meia de partida.

"Ele (Wawrinka) começou sacando muito bem, me dando poucas chances. Depois, consegui ajustar a devolução e ganhei confiança. Perdi no detalhe mesmo", afirmou o tenista número 1 do Brasil, que depois acrescentou: "Saio de cabeça erguida. Joguei bem os dois jogos que fiz aqui e estou me sentindo mais confiante, pronto para os próximos torneios".

O fato de ter atuado de forma bastante competitiva diante de Wawrinka também fez Bellucci ressaltar que conseguiu evoluir atuando em quadra rápida como a do US Open. "Hoje posso enfrentar qualquer jogador em qualquer tipo de piso", disse o tenista, para depois festejar o fato de que teve a chance de jogar na imponente quadra central do Grand Slam norte-americano.

Shannon Stappleton/REUTERS
Bellucci deu trabalho para Wawrinka, atual número quatro do mundo

"Estava um clima legal, uma atmosfera diferente. Muita gente torcendo por mim. Jogar em uma quadra grande desse jeito leva um tempo para se acostumar, mas com certeza não vou esquecer esse dia", ressaltou.

Fora do US Open, Bellucci agora vislumbra a disputa da Copa Davis, para a qual deverá ser convocado para defender o Brasil em confronto diante da Espanha, entre os dias 12 e 14 de setembro, pelos playoffs do Grupo Mundial, no Ginásio do Ibirapuera, em São Paulo.