Grant Halverson/AFP
Grant Halverson/AFP

Rio Open confirma Pablo Carreño Busta e terá três Top 10 em 2018

Espanhol se junta ao croata Marin Cilic e ao austríaco Dominic Thiem

Felipe Rosa Mendes, Estadão Conteúdo

05 Dezembro 2017 | 15h38

A organização do Rio Open anunciou nesta terça-feira mais um tenista do Top 10 como presença garantida na edição 2018 do torneio de nível ATP 500 disputado na capital fluminense. O espanhol Pablo Carreño Busta, atual número dez do mundo, foi confirmado nesta manhã, durante evento do lançamento oficial da competição.

Ele se junta ao croata Marin Cilic e ao austríaco Dominic Thiem. Vice-campeão de Wimbledon, Cilic é o atual sexto colocado do ranking. Thiem, que é o atual campeão do Rio Open, é o número cinco do ranking. O trio disputou o prestigiado ATP Finals, que reuniu os oito melhores da temporada em Londres, no mês passado.

"Estou muito feliz em jogar no Rio novamente", disse o espanhol, vice-campeão no saibro do Rio neste ano. "Alcançar a minha primeira final de ATP 500 no Rio esse ano meu deu confiança para chegar ao Top 10 e fazer a melhor temporada da minha carreira. Espero poder voltar ainda mais forte ano que vem e lutar pelo título", declarou Carreño Busta.

Aos 26 anos, ele vive a melhor temporada da carreira. Neste ano, ele conquistou três títulos e obteve resultados consistentes nos Grand Slams. Fez quartas de final em Roland Garros, no piso em que costuma se destacar, e também as semifinais no US Open, na quadra dura. Com a boa campanha, foi reserva do ATP Finals e ganhou uma chance no torneio após a desistência de Rafael Nadal em Londres.

Com a confirmação do espanhol, o Rio Open terá pela primeira vez três tenistas do Top 10 do ranking. Além deles, o torneio terá a presença do francês Gael Monfils, que já foi o 6º do mundo, mas ocupa atualmente a 46ª posição - ele sofreu a queda no ranking por conta de lesões ao longo desta temporada.

"É uma grande satisfação contar com 3 jogadores Top 10, além do Monfils que é um showman, no ano em que comemoramos a 5ª edição do Rio Open. Para 2018, conseguimos inovar e trazer dois tenistas que nunca disputaram torneios ATP no Brasil", afirmou Luiz Procópio Carvalho, diretor do Rio Open.

INGRESSOS MAIS BARATOS

 Também nesta terça a organização do Rio Open anunciou o valor dos ingressos, que serão 18% mais baixos em comparação à última edição. Neste ano, os bilhetes mais caros atingiram a cifra de R$ 670. Em 2018, não vão passar de R$ 550. Os tíquetes mais baratos custarão R$ 30.

A venda para o público em geral começará às 10 horas do dia 15. A pré-venda teve início nesta terça. O Rio Open será disputado entre 19 a 25 de fevereiro, novamente no Jockey Club Brasileiro.

Mais conteúdo sobre:
tênis

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.