Andy Wong / AP Photo
Andy Wong / AP Photo

Rio Open de 2018 terá Monfils e Cilic, campeão do US Open de 2014

Tenista croata é o atual quarto colocado no ranking da ATP

Felipe Rosa Mendes, O Estado de S.Paulo

17 Outubro 2017 | 07h00

O Rio Open terá um reforço de peso em sua próxima edição. O maior torneio de tênis da América do Sul vai contar com a presença do croata Marin Cilic, atual número quatro do mundo. Ele foi o campeão do US Open de 2014 e é o atual vice-campeão de Wimbledon. Além dele, o Rio Open terá o francês Gael Monfils, que se juntam ao austríaco Dominic Thiem, já anunciado previamente.

+ Bia Haddad é indicada para prêmio de revelação da temporada

"Estive no Rio na Olimpíada e adorei a experiência. Estou super animado para jogar o Rio Open pela primeira vez", diz o croata de 29 anos, que tem 17 títulos na carreira. Em grande fase, ele alcançou nesta semana seu melhor ranking da carreira e deve ser confirmado no ATP Finals, o torneio que reúne os oito melhores da temporada, em Londres.

Cilic jogará no Brasil pela segunda vez. A primeira foi nos Jogos Olímpicos do Rio-2016. Na quadra rápida do Centro Olímpico de Tênis, perdeu nas oitavas de final justamente para Gael Monfils, outra presença garantida no Rio. Desta vez, ambos vão competir no saibro do torneio de nível ATP 500, disputado no Jockey Club Brasileiro, entre 19 e 25 de fevereiro.

Ex-número 6 do mundo, Monfils é mais conhecido no circuito pelas estripulias em quadra, com suas jogadas acrobáticas que costumam fazer sucesso entre os fãs de tênis. Tentando se reabilitar no circuito, após seguidas lesões, o atual 46º do ranking tem seis títulos em 26 finais disputadas no circuito.

"Finalmente consegui colocar o Rio Open no meu calendário. Faz tempo que eu tenho vontade de jogar o torneio e agora vai acontecer. Eu adoro o Brasil e estou super animado para jogar diante dos cariocas e para visitar a Cidade Maravilhosa", afirma o tenista francês.

Com a confirmação da dupla, o Rio Open chega a três tenistas de peso para a sua próxima edição. Antes a organização do torneio confirmara Dominic Thiem, sexto do ranking e atual campeão da competição.

"Trazer o Monfils para o Rio Open já era um desejo antigo da gente e do público e agora contar com o Cilic um jogador Top 5 vai tornando o 'line up' um dos mais interessantes e variados da nossa história", diz o diretor do Rio Open, Luiz Procópio Carvalho, o Lui.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.