1. Usuário
Assine o Estadão
assine
  • Comentar
  • A+ A-
  • Imprimir
  • E-mail

Serena avança em 44 minutos e Sharapova vence pela 600ª vez

- Atualizado: 22 Janeiro 2016 | 10h 07

Americana arrasa Daria Kasatkina, de 18 anos, por 2 sets a 0

A norte-americana Serena Williams permaneceu em quadra por apenas 44 minutos para se garantir nas oitavas de final do Aberto da Austrália. Nesta sexta-feira, a número 1 do mundo avançou no primeiro Grand Slam da temporada ao massacrar a russa Daria Kasatkina, de apenas 18 anos, por 2 sets a 0, com um duplo 6/1.

Dona de seis títulos do Aberto da Austrália e atual campeã em Melbourne, Serena iniciou o torneio com uma impressionante sequência de 153 semanas consecutivas como número 1 do mundo. E todo esse domínio do tênis feminino foi visto nesta sexta, quando ela conseguiu cinco quebras de serviço, disparou 27 winners e cometeu apenas oito erros não-forçados diante da número 69 do mundo.

Serena Williams precisou de apenas 44 minutos para derrotar Daria Kasatkina com um duplo 6/1

Serena Williams precisou de apenas 44 minutos para derrotar Daria Kasatkina com um duplo 6/1

Além disso, a vitória de Serena foi facilitada pelas quatro duplas faltas cometidas por Kasaktina. Agora, em busca de uma vaga nas quartas de final, a número 1 do mundo terá pela frente outra jovem tenista russa. A sua próxima adversária vai ser Margarita Gasparyan, de 21 anos e 58ª colocada no ranking da WTA, que superou a casaque Yulia Putintseva por 2 a 0, com parciais de 6/3 e 6/4.

Também nesta sexta, a russa Maria Sharapova, número 5 do mundo, oscilou, mas também avançou em Melbourne ao bater a norte-americana Lauren Davis, 103ª colocada no ranking da WTA, por 2 sets a 1, com parciais de 6/1, 6/7 (5/7) e 6/0, em 2 horas e 14 minutos.

A vitória foi histórica para Sharapova, pois foi o 600º triunfo da carreira da russa, que também já perdeu 144 partidas. Só que após passear no primeiro set, vencido em apenas 26 minutos, a russa errou demais no segundo, definido após uma hora e 17 minutos, e só foi recuperar o seu melhor tênis na última parcial, quando aplicou um "pneu".

Sharapova disparou 16 aces no duelo, mas cometeu 42 erros não-forçados, oito a mais do que a sua adversária. De qualquer forma, segue na luta pelo seu segundo título em Melbourne, onde foi campeã em 2008.

Sharapova leva susto, mas ganha de Lauren Davis (de 1,57 m de altura) por 2 sets a 1

Sharapova leva susto, mas ganha de Lauren Davis (de 1,57 m de altura) por 2 sets a 1

Nas oitavas de final, Sharapova terá pela frente a suíça Belinda Bencic, número 13 do mundo, que nesta superou de virada a ucraniana Kateryna Bondarenko (92ª), com parciais de 4/6, 6/2 e 6/4, em 1 hora e 50 minutos.

Com a vitória, Bencic se tornou a primeira suíça desde 2007 a avançar às oitavas de final em Melbourne. Agora, ela tentará superar Sharapova em um duelo inédito, impedindo um possível confronto entre a russa e Serena, que não perde para a número 5 do mundo desde 2004 - são 17 vitórias consecutivas.

Já a polonesa Agnieszka Radwanska, número 4 do mundo, se garantiu nas oitavas de final do Aberto da Austrália pelo sexto ano consecutivo ao superar a porto-riquenha Monica Puig (52ª) por 2 sets a 0, com parciais de 6/4 e 6/0, em 1 hora e 16 minutos.

Puig manteve o duelo equilibrado até perder o seu saque no oitavo game. Depois, foi massacrada por Radwanska, que venceu dez games consecutivos. A sua próxima adversária vai ser a alemã Anna-Lena Friedsam, número 82 do mundo, que bateu de virada a italiana Roberta Vinci, 15ª colocada no ranking, por 0/6, 6/4 e 6/4.

Friedsam nunca havia passado da segunda rodada de um torneio do Grand Slam, mas agora lutará por uma vaga nas quartas de final do Aberto da Austrália, após superar a atual vice-campeã do US Open.

Aberto da Austrália 2016
Lukas Coch|EFE
Djokovic

Djokovic conquistou o Aberto da Austrália após bater Andy Murray por 3 sets a 0 na decisão

Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Estadão.
É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Estadão poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os criterios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Você pode digitar 600 caracteres.

Mais em EsportesX