Estadão - Portal do Estado de S. Paulo

Esportes

Esportes » Soares é campeão também nas duplas mistas na Austrália

Tênis

Filip Singer|EFE

Soares é campeão também nas duplas mistas na Austrália

Brasileiro volta a conquistar título na Austrália em menos de 24h

0

Estadão Conteúdo

31 Janeiro 2016 | 08h43

Bruno Soares está em estado de graça. Em menos de 24 horas, conquistou dois títulos de Grand Slam e dobrou sua coleção de troféus nos principais torneios do circuito. Depois de vencer o Aberto da Austrália ao lado de Jamie Murray nas duplas masculinas, o brasileiro se sagrou campeão das duplas mistas com a russa Elena Vesnina neste domingo.

O brasileiro e a russa, quintos cabeças de chave da competição, suaram, mas venceram a norte-americana Coco Vandeweghe e o romeno Horia Tecau por 2 sets a 1, com parciais de 6/4, 4/6 e 10/5, em 1h21min de jogo. Entre um título e outro, Soares teve menos de 17 horas de descanso, mas nem o desgaste impediu que ele se sagrasse campeão.

Com os dois troféus em Melbourne, Soares chega a quatro em Grand Slams. Ele desembarcou na Austrália com dois, depois de ter vencido as duplas mistas no US Open, em 2012 e 2014. Já Vesnina faturou seu terceiro troféu. Ela já havia conquistado os títulos de duplas femininas de Roland Garros, em 2013, e do US Open, em 2014.

Apesar da vitória, Soares começou mal o jogo e sofreu uma quebra logo em seu primeiro game de saque. Mas, empurrado por Vesnina, o brasileiro aos poucos foi entrando no jogo. A dupla devolveu a quebra para empatar em 4 a 4 e, pouco depois, buscou mais uma para fechar o set.

A segunda parcial começou praticamente como uma repetição da primeira e Soares acabou sendo quebrado logo de cara. A reação, desta vez, não veio e Tecau e Vandeweghe tiveram a calma necessária para administrar o jogo e fechar.

No super tie-break, mais uma vez Soares começou em baixa, viu seus adversários conseguirem um mini-break em seu saque, mas reagiu. Ele e Vesnina, então, tomaram conta do jogo no momento decisivo e fecharam sem maiores problemas.

Mais conteúdo sobre:

Encontrou algum erro? Entre em contato

0 Comentários

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.