1. Usuário
Assine o Estadão
assine
  • Comentar
  • A+ A-
  • Imprimir
  • E-mail

Mercedes domina novo formato de treinos e Hamilton é pole

- Atualizado: 19 Março 2016 | 09h 55

Rosberg fica em segundo, seguido pelos pilotos da Ferrari

A temporada 2016 da Fórmula 1 começou com uma novidade, neste sábado, em Melbourne, na Austrália. O treino de classificação segue dividido em três partes, mas agora o carro mais lento é eliminado a cada 1min30s. As mudanças foram só no formato, porque o resultado foi o mesmo de sempre: as Mercedes andando mais rápido.

O britânico Lewis Hamilton fez a primeira pole position da temporada, sua 50.ª na carreira, e vai largar na frente no GP da Austrália, às 2h deste domingo, pelo horário de Brasília. O atual bicampeão da F1 dominou todo o treino e fez sua volta mais rápida no Q3 em 1min23s837. Colocou boa vantagem inclusive sobre Nico Rosberg, seu companheiro de equipe, que larga em segundo e fechou o treino com uma volta de 1min24s197 como sua mais rápida.

Num indício muito claro do que deve ser este início de temporada, a Ferrari ocupará a segunda fila completa do grid de largada, com Sebastian Vettel (1min24s675) e Kimi Raikkonen (1min25s033).

Hamilton manteve a rotina da temporada passada ao ficar com a pole na Austrália
Hamilton manteve a rotina da temporada passada ao ficar com a pole na Austrália

O treino teve muito menos emoção do que o previsto e todos os primeiros colocados aceitaram a posição no grid, sendo eliminados com seus carros no box, sem voltar para a pista para uma volta de tudo ou nada. Rosberg e Hamilton ainda duelaram por um tempo, mas o alemão recolheu sua Mercedes cerca de dois minutos antes do fim do treino. O relógio rodou sem nenhum carro na pista.

Felipe Massa conseguiu levar a Williams para um bom sexto lugar do grid (1min25s438), sendo eliminado por pouco antes de Max Verstappen, o jovem holandês que colocou a Toro Rosso em quinto (1min25s434). O outro carro da Toro Rosso, de Carlos Sainz, sai em sétimo, num desempenho melhor do que da equipe-mãe, a Red Bull, que tem Daniel Ricciardo em oitavo e Daniil Kvyat em 18.º.

Felipe Nars sai só em 17.º, uma posição atrás do seu companheiro de equipe, o sueco Marcus Ericsson. À frente da Sauber apareceram ainda os dois carros da Force India (nono e 10.º), os dois da McLaren (12.º e 13.º), os dois da Renault (14.º e 15.º) e o outro carro da Williams, de Valteri Bottas, que sai em 11.º. Com cinco posições à frente, Massa foi um dos únicos a deixar seu companheiro bem para trás - o outro foi Ricciardo, da Red Bull.

Como esperado, os carros da Manor foram os primeiros a serem eliminados no treino, após 7 minutos de Q1. Pascal Wehrlein estreou o formato, mas quem larga em último é Rio Haryanto, punido por bater Romain Grosjean nos boxes no terceiro treino livre. Logo depois saíram os carros da Haas, equipe que estreia na F1 largando no 19.º e no 20.º lugares.

Confira como ficou o treino de largada do GP da Austrália:

1.º - Lewis Hamilton (GBR/Mercedes), 1min23s837

2.º - Nico Rosberg (ALE/Mercedes), 1min24s197

3.º - Sebastian Vettel (ALE/Ferrari), 1min24s675

4.º - Kimi Raikkonen (FIN/Ferrari), 1min25s033

5.º - Max Verstappen (HOL/Toro Rosso), 1min25s434

6.º - Felipe Massa (BRA/Williams), 1min25s458

7.º - Carlos Sainz (ESP/Toro Rosso), 1min25s582

8.º - Daniel Ricciardo (AUS/Red Bull), 1min25s589

9.º - Sergio Pérez (MEX/Force India), 1min25s753

10.º - Nico Hülkenberg (ALE/Force India), 1min25s865

11.º - Valtteri Bottas (FIN/Williams), 1min25s961

12.º - Fernando Alonso (ESP/McLaren), 1min26s125

13.º - Jenson Button (GBR/McLaren), 1min26s304

14.º - Jolyon Palmer (GBR/Renault), 1min27s601

15.º - Kevin Magnussen (DIN/Renault, 1min27s742

16.º - Marcus Ericsson (SUE/Sauber), 1min27s435

17.º - Felipe Nasr (BRA/Sauber), 1min27s958

18.º - Daniil Kvyat (RUS/Red Bull), 1min28s006

19.º - Romain Grosjean (FRA/Haas), 1min28s322

20.º - Esteban Gutiérrez (MEX/Haas), 1min29s606

21.º - Ryo Haryanto (IND/Manor), 1min29s627

22.º - Pascal Wehrlein (ALE/Manor), 1min29s642

22.º - Ryo Haryanto (IND/Manor), 1min29s272

Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Estadão.
É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Estadão poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os criterios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Você pode digitar 600 caracteres.

Mais em EsportesX