1. Usuário
Assine o Estadão
assine

Caterham é vendida a investidores da Suíça e do Oriente Médio

Agência Estado

02 Julho 2014 | 18h 21

De acordo com o anúncio oficial, novos donos assumem o comando do time já para a próxima etapa do campeonato, em Silverstone

Proprietário da Caterham, o empresário Tony Fernandes confirmou nesta quarta-feira a venda da equipe da Fórmula 1 a investidores da Suíça e do Oriente Médio. De acordo com o anúncio oficial, os novos donos assumem o comando do time já para a próxima etapa do campeonato, em Silverstone, na Inglaterra, no fim de semana.

A equipe, que conta com os pilotos Marcus Ericsson, da Suécia, e Kamui Kobayashi, do Japão, será liderada pelo ex-piloto Christijan Albers, que substituirá Cyril Abiteboul, então chefe de equipe da Caterham. Os novos proprietários vão manter o nome da escuderia e a base em Leafield, na Inglaterra, pelo menos até o fim da temporada. 

O grupo de investidores é assessorado pelo romeno Colin Kolles, chefe de equipe da Hispania, time que competiu na Fórmula 1 entre 2010 e 2012, sem resultados de expressão. A participação de Kolles na nova Caterham ainda não foi esclarecida pelos novos donos da equipe.

Samsul Said/Reuters
Equipe será liderada pelo ex-piloto Christijan Albers, que substituirá Cyril Abiteboul

"Estamos cientes do grande desafio que teremos pela frente, em razão da briga na parte debaixo da tabela. Nosso objetivo é alcançar o 10º lugar no campeonato", disse Albers, novo chefe de equipe. "Estamos muito comprometidos com o futuro do time e vamos garantir que tenha recursos necessários para desenvolver e alcançar tudo que for possível".