Toni Alibir/Reuters
Toni Alibir/Reuters

Via redes sociais, Alonso 'se garante' no GP da Malásia

Presença do piloto não foi confirmada pelos médicos ou pela equipe

Estadão Conteúdo

06 Março 2015 | 14h33

Após ser cortado do GP da Austrália e até ser especulado fora da Fórmula 1, Fernando Alonso, da McLaren, que sofreu um grave acidente no dia 22 de fevereiro, se garantiu na prova da Malásia, no dia 29 de março. Por meio de sua conta no Twitter, o bicampeão mundial afirmou que estará 100% recuperado para o segundo GP da temporada 2015.

"Continuo trabalhando bem... 30 minutos de bicicleta, 30 de piscina e 30 de academia. A Malásia tem uma das corridas mais exigentes e estaremos 100%!", afirmou Alonso na rede social. Porém, a presença do espanhol no GP do dia 29 ainda não foi confirmada oficialmente por seus médicos nem pela McLaren. No GP da Austrália, seu substituto será Kevin Magnussen.

Ainda pelo Twitter, o piloto ironizou o jornal As. O diário espanhol escreveu, na quinta, que Fernando Alonso pode nunca mais voltar a pilotar. Segundo o periódico, após ser atendido por médicos depois do forte acidente em Barcelona, o espanhol teria respondido "Sou Fernando, corro em karts e quero ser piloto de Fórmula 1" às tradicionais perguntas: "Quem é você? O que você faz? O que quer para o seu futuro?"

Ele ironizou criando a hashtag "Onde você acordou hoje?", prometendo compartilhar com seus seguidores as postagens mais criativas relacionadas ao tema, e criticou a postura do jornal falando em fato 'imaginativo'. "Em alguns dias o campeonato se inicia e não haverá mais ficção científica", disparou o bicampeão mundial.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.