Brasil derrota Cuba por 3 a 0 e está na final do Grand Prix

A seleção brasileira de vôlei feminino derrotou Cuba por 3 sets a 0, neste sábado, e conseguiu a classificação para a final do Grand Prix, que está sendo disputado em Reggio Calabria, no sul da Itália. Com muita facilidade, as meninas comandadas pelo técnico José Roberto Guimarães ganharam o clássico contra as cubanas com parciais de 25/20, 25/15 e 25/18. Na decisão, a rival será a Rússia, que bateu a Itália de virada por 3 sets a 2. O Brasil tenta a conquista do hexacampeonato no Grand Prix. Quem mais tem motivos para comemorar a vaga na final é a atacante Sassá, que comemorou seu aniversário de 24 anos. "Melhor presente não há do que a classificação à decisão e ainda em cima de Cuba. Estamos preparadas para trazer mais um título para o Brasil", disse. Ela achou que as cubanas estavam muito diferentes do que geralmente são dentro de quadra. "Nesse jogo elas respeitaram muito o Brasil. O Zé (técnico) falou que não era para nós entrarmos na provocação delas, mas isso não aconteceu". O treinador brasileiro destacou vários pontos como fundamentais para a seleção ter ganhado com muita facilidade de Cuba. "Elas (cubanas) têm um time muito bom e, se conseguirem se acertar, vão complicar mais para frente. Fomos bem neste jogo, principalmente no saque. Estamos jogando com muita concentração e focados nos nossos objetivos", afirmou José Roberto Guimarães. Atualizado às 14h40

Agencia Estado,

09 Setembro 2006 | 10h45

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.