As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

O Brasil foi Brasil

Seleção vence e convence. Sabe se impor, controla os nervos e ganha moral para o jogo das oitavas

Almir Leite

27 Junho 2018 | 17h20

A seleção brasileira, enfim, mostrou a que veio à Copa do Mundo da Rússia. Venceu e convenceu na partida com a Sérvia. Garantiu a classificação para as oitavas de final e, mais importante, o fez de uma maneira que dá moral para enfrentar o México.

A vitória foi importante por vários aspectos. Pelo bom futebol jogado durante toda a partida e pelo fato de o time ter se mostrado maduro, controlado, mentalmente forte como prega Tite, algo que o comportamento nas partidas anteriores tornou factível a dúvida.

Contra a Sérvia, que diga-se jogou limpamente quase sempre – com exceção de uma paulada do número 22 em Neymar, punida justamente com cartão amarelo -, o time não perdeu a linha. Se impôs técnica e moralmente.

Coutinho voltou a jogar muito bem, Neymar desta vez fez excelente partida, os zagueiros Thiago Silva e Miranda foram quase perfeito, Willian e Paulinho cresceram. Apenas Gabriel Jesus destoou.

É algo a lamentar, assim como a contusão de Marcelo.

Mas que o time achou o caminho, isso achou1