Rio vem ao Brasil para correr com seu ídolo, Alan Fonteles
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Rio vem ao Brasil para correr com seu ídolo, Alan Fonteles

Amanda Romanelli

22 de novembro de 2013 | 18h19

Rio é um inglesinho de cinco anos, da cidade de Hertfordshire, que sonha em ser corredor. Ele tem alguns ídolos no atletismo – um deles é o brasileiro Alan Fonteles, recordista mundial dos 100 metros para amputados. Assim como Alan, Rio também usa uma prótese. Com pouco mais de um ano, seus pais optaram pela amputação de sua perna direita por causa de uma má formação da tíbia. Assim, o garoto não precisaria usar uma cadeira de rodas para se locomover, mas sim de uma prótese.

O garotinho gosta mesmo de Alan. Durante a disputa do Mundial Paraolímpico de Atletismo, em Lyon, disputado em julho deste ano, a mãe de Rio, Juliette, não parou de postar fotos do garoto imitando os gestos do brasileiro. Um mês depois, eles se conheceriam, durante a disputa do Anniversary Games, prova realizada no Estádio Olímpico de Londres para celebrar o aniversário de um ano dos Jogos.

Na ocasião, além de conhecer Alan, Rio também reencontrou o britânico Jonnie Peacock, um dos astros do atletismo paraolímpico, que foi campeão nos Jogos de Londres (e também em Lyon) dos 100 metros na classe T44 (amputação parcial).

Foi por meio da ajuda de Peacock que Rio conseguiu uma prótese em formato de lâmina – antes, ele tinha uma comum, que prejudicava suas brincadeiras de correr. A prótese de Rio é personalizada com uma imagem do Bombeiro Sam, um desenho animado galês. Segundo sua mãe, Juliette, a disputa das Paraolimpíadas foi fundamental para que o garotinho desenvolvesse a vontade de ser um atleta. “Ele ficou encantado com as pessoas correndo com suas ‘pernas especiais’, como ele as chamava. Agora, ele também pode”, contou, em uma entrevista ao jornal The Mirror.

Rio se chama Rio porque seus pais passaram a lua de mel no Brasil. E agora ele terá a chance de conhecer o País que inspirou seu nome e passar mais tempo com seu ídolo Alan. No domingo, ele chega a São Paulo, convidado pelo Comitê Paraolímpico Brasileiro (CPB), junto com uma delegação de 20 atletas britânicos que disputarão as Paraolimpíadas Escolares, de 25 a 29 de novembro. As provas de atletismo serão no Ibirapuera, mas o inglesinho não vai participar – pelo menos, oficialmente, já que a competição é para crianças e jovens entre 12 e 20 anos.

Rio, Alan Fonteles e Jonnie Peacock

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.