As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Técnico de ex-recordista mundial de barreiras chega ao Brasil

Amanda Romanelli

26 de novembro de 2014 | 12h47

A Confederação Brasileira de Atletismo (CBAt) finalmente confirmou o que já havia sido noticiado por aqui em janeiro: o cubano Santiago Antúnez, técnico do ex-recordista mundial e campeão olímpico dos 110 metros com barreiras Dayron Robles, vai trabalhar no País até 2016.

De acordo com Antonio Carlos Gomes, superintendente de alto rendimento da CBAt, a demora pela chegada de Antúnez deveu-se a seus compromissos assumidos nesta temporada. O experiente treinador, premiado como um dos melhores do mundo, será morará no Brasil com seu filho, Kelvys, que também é técnico. “Mas ele não terá um local fixo de trabalho. Queremos que ele vá para todos os Estados do Brasil, trabalhando com nossos atletas e treinadores”, afirma Gomes.

Antúnez já havia trabalhado no Brasil entre 1996 e 1999, quando coordenou o Centro de Alto Nível instalado na Vila Olímpica de Manaus, existente até 2002. Depois de Robles, o técnico orientou dois outros jovens barreiristas cubanos: Orlando Ortega, finalista em Londres-2012 e que desertou da delegação de Cuba após o Mundial de Moscou, em 2013, e Yordan O’Parrill, campeão mundial juvenil dois anos atrás, em Barcelona.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.