Valerie Adams é a dona do diamante, com vitória em uma estação de trem
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Valerie Adams é a dona do diamante, com vitória em uma estação de trem

Amanda Romanelli

28 de agosto de 2013 | 20h42

Desde 2006, a prova feminina do arremesso do peso tem um sinônimo: Valerie Adams. A neozelandesa de 28 anos é tão, mas tão dominante, que conquistou seu quarto título mundial seguido da prova em Moscou, além de ser a atual bicampeã olímpica.

Valerie também é a primeira atleta a levar o título da Liga Diamante de 2013 – seu terceiro consecutivo, o que significa garantir ao fim da temporada um prêmio de US$ 40 mil. E a vitória veio, nesta quarta-feira, em um local bastante diferente.

Pela segunda vez seguida, os organizadores da etapa de Zurique realizaram a final do arremesso do peso um dia antes do meeting. E na Estação Central de trem da cidade! A arena temporária é montada no hall das bilheterias, e atrai não só os fãs de atletismo, mas também os passageiros. Outra curiosidade: cada atleta poderia escolher uma música para o momento de seu arremesso.

Apesar de ter nascido na pequena cidade de Rotorua, com apenas 53 mil habitantes, na ilha norte da Nova Zelândia, e de população majoritamente maori, Valerie não escolheu uma das impactantes músicas dos nativos de seu país. A atleta, que passa o maior tempo de sua temporada na própria Suíça – e, portanto, é considerada quase que uma local -, escolheu o iodelei, ritmo folclórico dos Alpes. Sim, o nome remete àquele som que veio à sua cabeça: “ioleeii, ioleeii…”

“A competição foi incrível, com uma ótima atmosfera, em uma grande arena, que me ajudou a conquistar alguns dos melhores arremessos do ano”, contou a atleta, que fez 20,98 m e chegou à melhor marca deste ano. Valerie também explicou o motivo de sua escolha musical. “Tocar o iodelei foi ideia minha. Quando eu ouvi pela primeira vez, disse ‘O QUÊ?’, mas aí o ritmo vai crescendo e te traz o ritmo.”

Nesta quinta-feira, a etapa de Zurique da Liga Diamante terá continuidade no Estádio Letzigrund, a partir das 13h10 (de Brasília). Usain Bolt vai correr os 100 metros, às 16h28, e Fabiana Murer participa da prova do salto com vara a partir das 14h40.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.