Adriano viu o tamanho do desafio no Corinthians

Adriano viu o tamanho do desafio no Corinthians

Antero Greco

10 de abril de 2011 | 20h07

O começo da tarde foi alegre para a torcida do Corinthians que esteve no Pacaembu. Antes do jogo com o São Caetano, a diretoria apresentou Adriano, que desembarcou recentemente no Parque São Jorge, mas só a partir de amanhã começa a treinar. O atacante está curado de fratura no ombro, sofrida quando ainda defendia a Roma, e dentro de algumas semanas poderá ser escalado. Até o Brasileiro terá tempo para perder peso. Tá fortinho…

Mas Adriano não deve ter ficado muito entusiasmado com o que viu em campo contra o Azulão. (Aliás, toda vez que a tevê o focalizava estava sisudo… impressão minha?). O Corinthians mais uma vez foi confuso, atrapalhado e sobretudo expôs suas falhas. A principal delas: fica torto quando lhe faltam alguns titulares. No caso deste domingo, estavam fora Alessandro, Jorge Henrique e Dentinho. As opções não deram conta do recado.

Não foi por acaso que o São Caetano saltou à frente, aos 10 minutos, num pênalti sofrido por Arthur e que Eduardo cobrou bem. O lance surgiu em falha na saída de bola da defesa corintiana, ainda contou com rebatida fraca de Chicão e arrancada de Arthur que Leandro Castán não conseguiu segurar. Enfim, uma série de erros.

O Corinthians criou chances, mais na base da vontade do que da qualidade. Parou em erros de conclusão ou em boas defesas de Luís. Para completar a tarde ruim, aos 10 do segundo tempo Eduardo marcou outra vez, e um belo gol, depois de tocar a bola no meio das pernas de Leandro Castán. A chuva forte que veio em seguida só serviu para tornar a tarefa alvinegra mais difícil

Tite fez uma série de modificações – a primeira delas, ainda na etapa inicial, foi tirar Moradei da lateral direita (substituía Alessandro) e colocar Moacir, para tornar o setor menos vulnerável. No segundo tempo, entraram Bruno César (saiu Ramirez) e Danilo (no lugar de Moraes). O time melhorou, diminuiu com Paulinho, mas ficou nisso.

Tudo o que sabemos sobre:

AdrianoCampeonato PaulistaCorinthians

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.