Flu ainda busca primeira vitória

Antero Greco

27 de janeiro de 2016 | 21h47

O Fluminense ainda não pegou no tranco no comecinho de ano. Voltou dos EUA com um empate e uma derrota – e perdeu na noite desta quarta-feira, na abertura da Primeira Liga: 1 a 0 para o Atlético-PR em Volta Redonda.

Ok, vai o desconto, por se tratar ainda de fase de preparação para a temporada. Os times tomam forma depois de sete ou oito apresentações. Daí, então, será possível fazer avaliação mais sensata do que têm a mostrar. O momento é de ajustes.

E, já que o período é de testes, Eduardo Baptista o que avaliar. Sobretudo no meio-campo e no ataque, que não têm funcionado. Nos jogos na Florida, não contou com Fred. Desta vez, o atacante e capitão esteve no gramado, mas jogou mal e ainda foi merecidamente expulso.

Com esses percalços, fica prejudicada a análise do setor. Mesmo assim, esteve apagado – Gustavo Scarpa ficou isolado à frente – porque poucas vezes a bola chegou até lá. A formação Edson, Cícero, Felipe Amorim, Danielzinho não deu liga. Ao menos por enquanto. Na defesa, faltou sintonia entre Nogueira e Gum, o que ficou claro no gol decisivo, marcado por Vinicius aos 25 minutos do segundo tempo.

O Flu teve a chance do empate, mas Cicero desperdiçou pênalti, que Weverton pegou.

Não é para o torcedor tricolor ficar com pé atrás. Não agora.

 

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.