Renato, homenageado e herói discreto

Antero Greco

22 de maio de 2016 | 14h33

Renato é desses jogadores que costumam passar despercebidos. Não porque jogue pouco ou se esconda durante os jogos. Ao contrário, dedica-se muito, corre, cumpre funções importantes no time. Com discrição.

Questão de estilo, temperamento, caráter. Assim, sem alarde, o meio-campista cumpriu 300 jogos com a camisa do Santos, somando duas passagens de muitos títulos. Recebeu homenagem antes do jogo com o Coritiba, na manhã deste domingo, e saiu de campo com dores nas pernas e como o herói da jornada, ao marcar o gol da virada aos 51 minutos do segundo tempo.

No último lance,  na derradeira jogada, no esforço final e decisivo. O Santos fez 2 a 1, ganhou a primeira no Campeonato Brasileiro, aumentou para 29 a invencibilidade na Vila Belmiro. Com alívio, com alegria e com dúvidas.

A mais óbvia: como Dorival Júnior fará para manter o padrão de eficiência da equipe sem Lucas Lima e Gabriel, a partir de agora à disposição da seleção para a inútil Copa América Centenário. A dupla se apresenta amanhã para Dunga e volta sabe-se lá quando. Se voltar, já que empresários e representantes estão doidinhos para colocá-los no mercado internacional. Resta Ricardo Oliveira, veterano, goleador, referência, no momento contundido e também com vontade de sair.

Lucas Lima e Gabriel tiveram despedida discreta, abaixo do que normalmente apresentam. Lucas Lima, de retorno, foi apagado, dispersivo, sem ritmo. Tanto que sequer voltou do intervalo; no lugar dele, entrou Paulinho, que deu mais velocidade ao meio-campo. Gabriel continua afoito, como se quisesse mostrar mais do que pode. Anda inquieto o moço.

O Coritiba esteve perto de aprontar fora de casa. Abriu o placar com Kleber, livre na área, aos 19 do primeiro tempo. Jogada pelo lado esquerdo, defesa santista aberta. O empate veio com Vítor Bueno aos 16 do segundo. E Renato fechou a conta. Coritiba e Santos são dois times em busca de identidade; como tantos outros…

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.