Sport, Lusa, Bahia e, vá lá, Palmeiras. Dois vão, dois ficam

Antero Greco

12 de novembro de 2012 | 01h44

Título definido, na parte de cima da classificação permanece aberta a briga pelo vice, entre Grêmio (66) e Atlético (65). A tensão maior, claro, está na zona de rebaixamento. Atlético-GO e Figueirense já foram despachados para a Série B. Palmeiras (33), Sport (37), Bahia (40) e Lusa (40) também fazem contas para driblar a degola.  Os quatro têm 9 vitórias

Convido você para uma avaliação rápida. O Bahia recebe a Ponte, na próxima rodada. Pega, portanto, um time que está em situação praticamente definida. Com 46 pontos e 12 vitórias, precisa de mais um ponto para ver-se livre de qualquer fantasma. Situação idêntica à de Santos (46 pontos e 11 vitórias), Coritiba (45 pontos e 13 vitórias) e Náutico (45 pontos e 13 vitórias).

Acredito, portanto, em vitória do Bahia diante da Macaca. Na pior das hipóteses, empate. Depois, o Bahia recebe o Náutico e fecha participação em visita ao Atlético-GO. Um triunfo e empate são resultados plausíveis. O Bahia pode ficar, então, entre 45 e 49 pontos.

A Lusa enfrenta o Grêmio, em casa. Empate é boa alternativa. Depois, pega o Inter em Porto Alegre; se perder, é normal. (Como não será espanto, se perder do Grêmio e empatar com o Inter.) Encerra participação diante da Ponte, no Canindé, e nesse cado deve trabalhar com a hipótese de vitória. Pontuação final: 44.

O Sport no papel tem caminho espinhento. Considero-o favorito diante do Botafogo, no próximo final de semana, em casa. Empate com o Flu, também na Ilha, não é coisa do outro mundo. Chegará ao fecho, no clássico doméstico diante do Náutico, nos Aflitos, com 41 pontos. A vitória o leva a 44 pontos, talvez ao lado da Lusa, mas com a vantagem de 11 vitórias contra 10 dos paulistas. E a permanência na Série A. Possível? Sim, mas complicado.

E o Palmeiras? Tem de ganhar os três jogos (Flamengo, Atlético-GO e Santos) e torcer para que o Sport faça no máximo 5 pontos, enquanto Bahia e/ou Lusa consigam só 2. Ou o Palmeiras tem de ganhar dois jogos e empatar um e rezar para que o Sport obtenha só 3 pontos, enquanto Bahia e/ou Lusa não devem pontuar até o fim. Você acredita nessas combinações?

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.