Tem caveira de burro enterrada no Beira-Rio

Antero Greco

21 Agosto 2016 | 18h44

Os mais velhos diriam com certeza: tem caveira de burro enterrada no gramado do Beira-Rio. Não é possível que a torcida do Inter tenha de sofrer tanto neste Brasileiro. No empate com o São Paulo completou a inacreditável marca de 13 jogos sem vitória. É isso mesmo: tre-ze… sem choro, nem vela! Dez derrotas e três empates.

Tem alguma coisa errada: Celso Roth é o terceiro técnico nesta campanha sofrível. Antes dele, Argel e Paulo Roberto Falcão sofreram com os resultados que deixam a torcida colorada à beira do desespero.

Não sem motivos.

Vamos analisar somente os últimos 10 minutos da partida deste domingo. O São Paulo, do técnico estreante Ricardo Gomes, estava vencendo por 1 a 0, e o nervosismo tomava conta do estádio. Paulão dava chutões da intermediária, e a torcida se esvaía em caretas.

Valvídia se movimentava como de costume. E a faixa estendida – “Gigante Sempre” – parecia piada de mau gosto para o momento, apesar da intenção de estimular a rapaziada em campo.

Foi aí que aconteceu o lance: 39 minutos do segundo tempo, o grandão Ariel fez tudo certinho, passou pelo goleiro tricolor e bateu para o gol de empate… que não aconteceu, porque Mena surgiu milagrosamente para salvar.

Mas como diz o gaúcho: não está morto quem pelea. E o Inter pode até cair para a segunda divisão, mas vai cair peleando.

Então, numa cabeçada errada de Ernando, a bola desviou em quem? Exatamente no chileno Mena, que tinha acabado de salvar o gol. Desviou em Mena e foi para o fundo da rede: 1 a 1.

Ainda dava tempo de virar o placar. O tricolor Bufarini cometeu pênalti. Eram 44 minutos e Valdívia pegou a bola para a cobrança. Colocou a bola na marca da cal e … catapimba! Chutou com convicção, mas  pra fora. Bem fora.

O jogo acabou empatado mesmo. O Inter tem agora 13 jogos consecutivos sem vitória. Se não cair desta vez, o Inter tem de levantar as mãos para o céu. Mas que tem caveira de burro, mau-olhado ou praga de torcedor do Grêmio na parada, ah isso tem!