AO VIVO – Torcedores do Atlético começam a ‘bombar’ o Mineirão
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

AO VIVO – Torcedores do Atlético começam a ‘bombar’ o Mineirão

Robson Morelli

24 de julho de 2013 | 18h37

DIRETO DO MINEIRÃO – Acompanhe todas as informações do pré-jogo e da chegada do torcedor do Atlético-MG ao Mineirão para a finalíssima da Copa Libertadores, contra o Olimpia. Os repórteres Raphael Ramos e Marcelo Portela já estão nas imediações do estádio, em Belo Horizonte.

21h30
Encerramos aqui a transmissão ao vivo do pré-jogo entre Atlético-MG e Olimpia. A partir de agora, acompanhe aqui as emoções da decisão da Copa Libertadores da América.

 21h15
Victor entra no gramado para fazer o seu aquecimento e foi recebido pela massa atleticana aos gritos de “P.. que pariu, é o melhor goleiro do Brasil”. O atleta virou ídolo da torcida do Galo após defender um pênalti no último minuto da partida contra o Tijuana, do México, nas quartas de final da Libertadores. Depois, Victor voltou a brilhar na decisão dos pênaltis na semifinais diante do Newell’s Old Boys no estádio Independência.

Após saudar o goleiro, a torcida passou a cantar o hino do clube. Um trecho diz: “Lutar, lutar, lutar. Com toda nossa raça pra vencer”. Esse é o espírito da equipe para a final a Libertadores.

21h
A uma hora do início da partida entre Atlético-MG e Olimpia pela final da Copa Libertadores, a torcida da equipe mineira já ocupa a maior parte das 62 mil cadeiras do Mineirão, em Belo Horizonte, à espera do início do jogo, marcado para 21h50. Um pouco mais cedo, torcedores da equipe paraguaia, que entraram primeiro no estádio, tentaram fazer barulho e provocar os anfitriões, animados pelo resultado de 2 a 0 em cima dos mineiros no jogo de ida, na semana passada, em Assunção. Mas os atleticanos já tomaram conta da arena e abafam qualquer tentativa de manifestação dos adversários.

20h56
O Galo já jogou 14 vezes contra clubes paraguaios. Foram quatro vitórias, sete empates e três derrotas.

20h50
Os torcedores já tomaram o Mineirão do lado de dentro também. O estádio em Belo Horizonte vai tremer durante os 90 minutos da partida. Os mineiros chegam organizados e sem confusão até agora.

20h45
A Secretaria de Segurança Pública de Minas Gerais montou um esquema especial para a final de hoje. São 316 policiais militares no interior do estádio, 25 policiais civis, 170 bombeiros, dois delegados, 17 investigadores, 1 médico legista e 3 escrivães. Também foram contratados 562 seguranças particulares.

20h38
Esta é a quinta participação do Atlético-MG na Libertadores. O Galo também disputou o torneio em 1972, 1978, 1981 e 2000. Antes de chegar à decisão deste ano, a melhor campanha do clube no torneio foi em 1978, quando alcançou a fase semifinal. O Atlético-MG é bicampeão da Copa Conmebol. Conquistou os títulos em 1992 e 1997. Na conquista de 1992, superou o Olimpia na final com vitória por 2 a 0 no Mineirão (dois gols de Negrini) no jogo de ida, e derrota por 1 a 0 na partida de volta, em Assunção.

20h28
Adriano Imperador dá a maior força para o Galo e para seu amigo Cuca. “MAIS QUE QUALQUER COISA, O CUCA MERECE DEMAIS ESSE TÍTULO. É UM CARA QUE COMO NINGUÉM SABE MONTAR TIME. É ROTULADO COMO AZARADO E MERECE (GANHAR)”.

20h21
Declarações de Julio Cesar, do Atlético, ao descer do ônibus: “Vamos para cima deles. Hoje, eu não saio do Mineirão sem esse título.” Ronaldinho Gaúcho passou sem falar com ninguém. O meia sabe que a torcida do Atlético confia e espera muito dele nesta decisão.

20h10
Torcedores correm ao lado do ônibus fazendo muita festa. Jogadores entram no vestiário do Mineirão bastante concentrados. Eles sabem que vão precisar jogar muito para bater o Olimpia por dois ou maos gols de diferença.

20h06
Ônibus com a delegação atleticana chega ao Mineirão com direito a muita festa dos torcedores, que gritam e utilizam sinalizadores para fazer a recepção.

19h57
A administração do Mineirão acaba de abrir os portões para os torcedores do Atlético-MG que conseguiram comprar os disputados ingressos para a partida da final da Libertadores contra o Olimpia-PAR. Milhares de atleticanos já ocupam a esplanada e o entorno do estádio aguardando para assistir à partida, marcada para 21h50. Dentro da arena, algumas centenas de torcedores paraguaios, cujo acesso foi liberado mais cedo, já ocuparam seus lugares e fazem bastante barulho.

19h53

Por questões de segurança a Polícia Militar liberou antes a entrada dos torcedores do Olimpia. Os paraguaios já ocuparam o espaço reservado a eles e começaram a cantar gritos de guerra do clube. Ao todo, são 1.200 torcedores. O Olimpia está na sua sétima final de Libertadores e busca o quarto título. A último vez que o clube chegou à decisão foi em 2002, quando bateu o São Caetano no estádio do Pacaembu.

19h46
Os portões do Mineirão só vão abrir às 20h. Para facilitar o acesso do público, foram instaladas 106 catracas. Cerca de 300 profissionais serão responsável pelo atendimento ao torcedor. O “novo Mineirão” foi inaugurado em janeiro e o Atlético jogou apenas três vezes no local. Muitos atleticanos vão hoje pela primeira vez ao estádio desde a sua reabertura. Os 62 mil ingressos estão esgotados desde segunda-feira.

19h40
Com os portões fechados ao público, quem faz fila dentro do Mineirão nesse momento é a imprensa para retirar as credenciais. De acordo com a Minas Arena, empresa que administra o Mineirão, mais de 450 jornalistas estão credenciados. Trabalharão na final da Libertadores, profissionais do Japão, Itália e Espanha, entre outros países.

19h33
O presidente do Atlético-MG, Alexandre Kalil, criticou a atitude da Conmebol de não permitir o jogo decisivo no Independência.

19h27
Cerca de cem torcedores do Olimpia (PAR) acabam de entrar no Mineirão, em Belo Horizonte, para acompanhar a partida final da Copa Libertadores contra o Atlético-MG. Apesar do pequeno número, os paraguaios tentam fazer barulho, animados com o placa de 2 a 0 em cima do Galo na partida de ida na semana passada, em Assunção. Ao todo foram vendidos mais de 62 mil ingressos para o jogo, sendo que os visitantes tiveram direito a pouco mais de 1,5 entradas. Os torcedores do Atlético lotam o entorno do estádio, mas ainda não tiveram acesso ao interior da arena para acompanhar o jogo, marcado para 21h50.

19h24
Na noite desta terça-feira, torcedores atleticanos soltaram fogos e fizeram bastante barulho nas proximidades do hotel onde está hospedado o Olimpia. A atitude irritou a Conmebol, que promete mudanças no regulamento da Copa Libertadores a partir do próximo ano e ameaça até levar a decisão do torneio para um país neutro.

19h19
Na tarde desta quarta-feira, cambistas circulavam livremente perto da sede administrativa do Atlético-MG vendendo ingressos para a decisão da Libertadores. Os mais caros chegavam a custar R$ 500.

19h15
O Mineirão ainda não abriu para o público. Os portões serão abertos às 19h50. Funcionários dão os últimos retoques no estádio, restando pouco menos do que três horas para o início da partida. Nesse momento, por exemplo, é testado no centro do gramado o palco onde o futuro campeão da Libertadores vai receber o troféu mais cobiçado da América.

19h11
O Olimpia pode conquistar o seu quarto título da Libertadores, o segundo sobre um time brasileiro. Em 2002, os paraguaios superaram o São Caetano, que venceu o primeiro jogo no Defensores del Chaco por 1 a 0. No Pacaembu, o Olimpia saiu atrás no marcador, mas virou para 2 a 1 e conquistou a taça nos pênaltis.

19h05

Falta pouco para a grande decisão da Copa Libertadores da América. Mesmo com a desvantagem de dois gols, o Atlético-MG, empurrado por mais de 60 mil torcedores, tem uma grande chance de conquistar a competição sul-americana.

19h02
A quase quatro horas do início da partida entre Atlético-MG e Olimpia (PAR) pela final da Copa Libertadores, as principais vias de acesso ao Estádio Governador Magalhães Pinto, o Mineirão, em Belo Horizonte, já estão completamente congestionadas. O tráfego é muito lento nas avenidas Presidente Carlos Luz, a Catalão, e Presidente Antônio Carlos, na qual até a pista exclusiva para ônibus e táxis tem trânsito lento, por causa de obras de mobilidade para a Copa do Mundo de 2014.

19h
Todos os 62 mil ingressos para essa partida foram vendidos com antecedência. O time mineiro nunca ganhou uma Libertadores. Em casa, terá de correr muito e usar da habilidade de todos os seus jogadores para reverter um resultado adversário de 2 a 0 da primeira partida, em Assunção. O torcedor começa a se ajeitar no Mineirão.

Tudo o que sabemos sobre:

Atlético-MGmineirãoolimpía

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: