As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Até onde vai a média política…

Teresa Ribeiro

10 de março de 2007 | 17h09

Vascaíno de carteirinha, com direito a almejar ser candidato à presidência do clube no futuro, o governador do Rio, Sérgio Cabral Filho, que assumiu em janeiro, sancionou a lei que instituiu a data de 17 de novembro como o “dia do Flamengo”. O político aproveitou o dia da decisão do primeiro turno do Campeonato Carioca, conquistado pelo Rubro-Negro, e fez uma média com os torcedores do maior rival do Vasco.
A íntegra da lei:

LEI Nº 4.998 DE 07 DE MARÇO DE 2007.

INSTITUI, NO ÂMBITO DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO, O DIA DO FLAMENGO.

O Governador do Estado do Rio de Janeiro,
Faço saber que a Assembléia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro decreta e eu sanciono a seguinte Lei:

Art. 1º – Fica instituído o Dia do Flamengo no âmbito do Estado do Rio de Janeiro, a ser festejado no dia 17 de novembro, data de fundação da agremiação.

Art. 2º – Esta Lei entrará em vigor na data de sua publicação.

Art. 3º – Ficam revogadas as disposições em contrário.

Rio de Janeiro, 07 de março de 2007.

SÉRGIO CABRAL
Governador

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.