As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Brasil exagera na cautela para somar primeiro ponto

miltonpazzi

14 de outubro de 2007 | 21h26

Não foi o ideal, ficou longe disso. A estréia da seleção brasileira nas Eliminatórias da Copa do Mundo foi para o gasto. O empate sem gols do Brasil contra a Colômbia só vale mesmo pelo ponto somado, já que o torneio é decidido com os que mais somam pontos.

As circunstâncias pesaram sim, como diz Dunga e seus jogadores: campo pesado, chuva, pressão da torcida, altitude. Mas o futebol foi claro de quem estava jogando na cautela, na defesa, louco para encaixar um contra-ataque. Excesso de passes errados também teve, e isso significa nervosismo.

Uma alteração, porém, não me sai da cabeça: Vágner Love por Josué… Muita cautela para quem não estava vencendo o jogo. Dunga errou. Ainda mais por, 16 minutos depois, ele colocar Afonso no lugar de Kaká. Tudo bem que o atacante do CSKA ficou devendo, assim como Afonso. Mas é de se pensar o que isso pode significar no futuro.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: