Filme começa a se repetir no Morumbi
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Filme começa a se repetir no Morumbi

andreavelar

22 de abril de 2010 | 01h05

Ricardo Gomes ouviu gritos de 'burro' da torcida - Sérgio Neves/AE

Ricardo Gomes ouviu gritos de 'burro' da torcida - Sérgio Neves/AE

Nem a classificação às oitavas de final da Copa Libertadores acalmou os ânimos da torcida do São Paulo. Apesar da vitória por 1 a 0 sobre o Once Caldas, o técnico Ricardo Gomes enfrentou os primeiros gritos de “burro” vindos das arquibancadas no Morumbi.

Definitivamente, o clima não é bom. A eliminação para o Santos no Campeonato Paulista também pesou. Mais algumas mudanças retranqueiras e vaias. “Claro que quando você tira um atacante e coloca um volante é natural essa manifestação. Mas eu não estou preocupado com a reação do torcedor”, disse Ricardo Gomes.

Com Muricy Ramalho também foi assim. O time caiu no estadual e passou sufoco na Libertadores. O elenco saiu em defesa do técnico até uma nova eliminação. O desfecho? O mais comum do futebol brasileiro: a demissão do treinador.

Rogério Ceni marcou data para o fim da atual desconfiança dos torcedores. “Isso só vai acabar quando nós ganharmos a Libertadores, se ganharmos a Libertadores. Sabemos que do jeito que estamos jogando não temos bola para o título, mas ainda há tempo”, sentenciou o capitão da equipe.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.