Kaká virou menino mau?
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Kaká virou menino mau?

André Rigue

28 de junho de 2010 | 19h14

blog copa

kaka480jonne roriz ae 28062010

Qual a primeira imagem que vem à cabeça quando falamos de Kaká? Muitos dirão que é a de um garoto de Cristo, bem comportado e exemplo para todos. Contudo, nesta segunda-feira as câmeras de televisão flagraram o meio-campista dizendo um palavrão após não obter sucesso numa jogada.

Mas qual o espanto com o palavrão? Nenhum. Significa que Kaká quer vencer. Quer dar o melhor dentro de campo. Está comprometido com o grupo da seleção brasileira. Uma palavra importante essa: COMPROMETIMENTO.

Kaká foi expulso no jogo contra a Costa do Marfim por revidar uma agressão. Coisa rara. Explodiu na hora. Mas quem não explode? Kaká revidou o jornalista Juca Kfouri (através do filho André Kfouri) durante uma entrevista, para discutir assuntos religiosos.

Postura surpreendente. Quando imaginaríamos que Kaká utilizaria uma coletiva para contestar um jornalista, na frente de todos?

E mais, quando imaginaríamos que Kaká teria de ser substituído contra o Chile para evitar um novo cartão vermelho, para não perder a partida contra a Holanda pelas quartas de final, na próxima sexta-feira?

Kaká mudou? Está mais maduro? Deixou de ser um garoto bondoso?

Não importa. Kaká está comprometido com a seleção – o grupo inteiro, aliás, demonstra uma união muito grande.

E é dessa união que o Brasil precisa.

# Cartões de Kaká preocupam o técnico Dunga
# Kaká fala em brigar pelo topo nas assistências da Copa

[poll id=”15″]

Tudo o que sabemos sobre:

Copa 2010Kaká

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.