As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Mexer no bolso é a melhor punição

Robson Morelli

27 de março de 2007 | 14h36

A bagunça de torcedores na Vila Belmiro na partida entre Santos e São Paulo custou R$ 200 mil de multa ao presidente Marcelo Teixeira e R$ 20 mil a Juvenal Juvêncio. Mais que isso, Santos e São Paulo perderam um mando e terão de jogar longe de suas sedes 80 quilômetros, no mínimo. Boa a decisão da Federação Paulista. Puniu os clubes e seus torcedores, que terão de enfrentar estrada para ver o time. E isso custa dinheiro.Vejo os torcedores como principais culpados pelas arruaças provocadas na Vila. Foram eles que arrancaram privadas para atirar uns nos outros. Mas não isento os clubes de suas responsabilidades na organização. Como o jogo foi na Vila, a diretoria santista falhou. É muito fácil mandar um comunicado para a Polícia Militar pedindo policiamento para as partidas. Paga-se depois um lanche de pão com queijo, um refrigerante qualquer aos policiais e dá-se por encerrada a participação da associação na segurança do estádio. É pouco. É preciso mais, bem mais.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.