As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

O Palmeiras já pode vestir a faixa

André Rigue

27 de abril de 2008 | 21h27

A Ponte Preta já fez o seu papel em chegar à final do Campeonato Paulista. O time comandado por Sérgio Guedes é bem equilibrado, mas não tem força para derrotar o Palmeiras.

No jogo em Campinas, valeu a festa da torcida ponte-pretana, que pela primeira vez decidiu um título em casa. Ponto negativo para alguns torcedores que intimidaram alguns colegas da imprensa com ameaças antes do duelo.

No próximo domingo, dia 4 de maio, o torcedor palmeirense terá a oportunidade de ver o fim de um jejum de nove anos sem título de expressão. E melhor ainda, vai acabar com a história de que o Palestra Itália é um fantasma para decisões.

CURIOSIDADES DO JOGO
Quem esteve em Campinas se surpreendeu com a “disputa” do espaço aéreo do Estádio Moisés Lucarelli. Teve de tudo: helicópteros, teco-teco, balão, ultraleve…

Torcedores Vip da Federação Paulista de Futebol ocuparam um setor no Moisés Lucarelli com direito a cachorro quente e massagem.

A imprensa sofreu para encontrar espaços no Moisés Lucarelli. Qualquer cantinho foi disputado, e muito, pelos cinegrafistas.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.