Promessa de festança em Los Angeles
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Promessa de festança em Los Angeles

miltonpazzi

16 de junho de 2009 | 04h28

Acompanhe aqui a cobertura completa das finais da NBA!LOS ANGELES * – Como falei a vocês no primeiro post sobre as finais da NBA, a cidade de Los Angeles parece não se importar com os Lakers, campeões da principal liga de basquete do mundo pela 15.ª vez em 30 finais disputadas.

Voltei para a cidade californiana após o jogo 5, em Orlando, que decretou a vitória da equipe de Phil Jackson e Kobe Bryant. Andei pelas principais ruas, como a famosa Figueroa, e nada de chamativo foi visto pelos meus olhos, a não ser alguns banners no Staples Center, ginásio utilizado pelos Lakers.

Mesmo assim, a prefeitura da cidade espera mais de um milhão de pessoas para a celebração do título, que terá como ponto final do Coliseu, estádio utilizado na Olimpíada de 1984. O temor é que as cenas de vandalismo do último domingo se repitam.

A polícia, no entanto, garante que algo parecido não deverá acontecer, já que gangues (o que não falta por aqui) estariam por trás do vandalismo praticado e não teriam a mesma liberdade para fazer o mesmo numa celebração com início marcado para às 11 horas (horário local).

A falta de “comprometimento” dos fãs dos Lakers tem uma explicação muito plausível. Durante o vôo de Atlanta para Los Angeles, tive uma conversa interessante com alguns cidadãos da cidade dos anjos, e eles disseram que a torcida já está acostumada com títulos e que só mostra o quanto gosta da equipe somente em momentos decisivos. A derrota para os Celtics, na final da temporada passada, também teria sido muito dolorosa e, assim, os torcedores mantiveram suas bandeiras e camisas em casa até ter certeza que os Lakers estariam no topo da NBA mais uma vez.

* Enviado especial do ‘estadao.com.br’ aos Estados Unidos

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.