Rogério Ceni salva o São Paulo
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Rogério Ceni salva o São Paulo

andreavelar

01 de abril de 2010 | 00h41

Fernandinho briga pela bola contra o Monterrey - Claudio Cruz/AP

Fernandinho briga pela bola contra o Monterrey - Claudio Cruz/AP

Se alguém do São Paulo merece destaque no empate sem gols contra o Monterrey (MEX), esse é Rogério Ceni. Aos 47 minutos do segundo tempo, quando tudo parecia resolvido, o goleiro fez duas defesas incríveis (uma delas com o pé) e manteve a equipe tranquila na primeira colocação do Grupo 2, com 10 pontos.

Bem verdade, que ainda pode perder a liderança para o Once Caldas (COL), que joga nesta quinta-feira, contra o fraco Nacional (PAR). Ainda assim, os brasileiros decidem a primeira posição no Morumbi, justamente contra os colombianos, em 21 de abril.

Até o jogo decisivo contra o Once Caldas, o técnico Ricardo Gomes terá que criar alternativas para um previsível São Paulo. Depois de meio tempo de toque de bola envolvente, chances criadas, o time se apequenou. Das novas contratações, apenas Rodrigo Souto parece mesmo querer garantir vaga entre os titulares. Fernandinho parece que gastou todo seu estoque nos quatro gols da estreia.

MAIS BRASILEIROS

Em Minas, tudo azul. O vice-campeão Cruzeiro não tomou conhecimento do tradicional Vélez Sarsfield e novamente aparece como um dos favoritos ao título. O Internacional segue na mesma balada. Em confronto direto, venceu o Cerro e assumiu a primeira colocação do Grupo 5.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.