São Paulo x Cuiabá: onde assistir, horário e escalação das equipes
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

São Paulo x Cuiabá: onde assistir, horário e escalação das equipes

Equipes se enfrentam pelo Brasileirão, neste domingo, no estádio do Morumbi

Estadão Esportes

14 de maio de 2022 | 17h36

O São Paulo enfrenta, neste domingo, às 16h, o Cuiabá pela 6ª rodada do Campeonato Brasileiro. Os comandados de Rogério Ceni retornam ao Morumbi, após terem de jogar em Barueri por causa do show da banca Matallica na última semana. Classificado para as oitavas de final da Copa do Brasil, a equipe tricolor tem como meta melhorar o desempenho e somar pontos importantes para lutar pelo topo da classificação.

Já o Cuiabá vive má fase. Eliminado da Copa do Brasil e da Sul-Americana, o time mato-grossense anunciou a demissão do técnico Pintado. No Brasileirão, a equipe soma sete pontos e aparece na segunda metade da tabela. O Cuiabá quer retomar sua marca como visitante na temporada passada, em que conquistou muitos pontos longe de casa.

São Paulo e Cuiabá se encontram neste domingo pelo Brasileirão. Foto: Arte/ Estadão

HORÁRIO E LOCAL

São Paulo e Cuiabá se enfrentam neste domingo, às 16h, no estádio do Morumbi, na capital paulista.

ONDE ASSISTIR

O jogo terá transmissão da Globo (tv aberta) e do Premiere (pay per view). O Estadão acompanha todos os detalhes em tempo real.

ESCALAÇÕES PROVÁVEIS

  • SÃO PAULO – Jandrei; Diego Costa, Miranda e Léo; Rafinha, Pablo Maia, Nestor, Igor Gomes e Welington; Éder e Calleri. Técnico: Rogério Ceni.
  • CUIABÁ – Walter; João Lucas, Alan Empereur, Marllon e Uendel; Cristhian Rivas, Valdívia e Pepê; André Luís, Jenison e Alesson. Técnico: Luiz Fernando Iubel.

ÚLTIMOS RESULTADOS

O São Paulo vem de vitória sobre o Juventude, por 2 a 0, na Arena Barueri, pela Copa do Brasil. Na mesma competição, o Cuiabá empatou sem gols com o Atlético Goianiense e acabou eliminado nos pênaltis.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.