As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Vitória de campeão

Luiz Zanin Oricchio

10 de novembro de 2006 | 00h18

Quem estava até agora secando o São Paulo, melhor procurar outro passatempo. Acabou. Com a vitória por 3 a 0 sobre o Botafogo, o tricolor liquidou a fatura e já é campeão. Se não matematicamente, já é campeão de fato, com sete pontos de distância para o segundo colocado e 12 a disputar. Não que o jogo contra o Botafogo tenha sido fácil, mas depois do primeiro gol, já nos descontos do primeiro tempo, tudo se tornou mais tranqüilo. Fluiu. Portanto, poupem energia para a disputa das vagas pela Libertadores, que está acirrada. Ou, se for o caso, na guerra para se livrar do rebaixamento, que ganha uma sobrevida com o insosso empate de 0 a 0 entre Fluminense Ponte. Já a vitória de 4 a 1 do Santa Cruz sobre o Cruzeiro foi como aquela recuperação que os muito doentes têm um pouquinho antes de, como se dizia, exalar o último suspiro.

Para quem não é são-paulino, fica um consolo, que, pensando bem, não é dos menores: ao contrário do que aconteceu no ano passado, teremos um final de campeonato limpo, sem interferências de juiz ladrão ou tribunais. Disputado de uma ponta a outra no campo de jogo, no qual o São Paulo foi o melhor time, sem nenhuma contestação. Parabéns.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.