As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Sinal amarelo para Kia

Eliana Silva de Souza

08 de novembro de 2006 | 12h23

Kia Joorabchian pode estar perdendo a corrida para assumir o controle do West Ham, clube onde encaixou os ex-corintianos Tevez e Mascherano. A imprensa britânica anunciou nesta quarta-feira que o empresário islandês Eggert Magnusson, presidente da federação de futebol de seu país e membro do Comitê Executivo da Uefa, foi autorizado pelo presidente do West Ham, Terence Brown, a analisar detalhadamente a situação financeira do clube.

Magnusson se dispôs a pagar 108 milhões de euros para comprar o clube, além de assumir uma dívida de mais 33 milhões de euros. Disse ainda que poderá reforçar o grupo na reabertura do mercado de transferências, em janeiro, além de manter o técnico Alan Pardew, que mandou os dois argentinos para a reserva nos últimos dois jogos – quando o time voltou a vencer depois de mais de dois meses de jejum.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.