As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Viajando com o inimigo

Lucas Nobile

12 de junho de 2006 | 16h57

A equipe de jornalistas do Estadão viajou nesta segunda-feira de Frankfurt para Berlim, cidade onde acontece a estréia do Brasil contra a Croácia, na terça. A viagem de trem durou cerca de 4 horas e teve uma companhia curiosa: a seleção croata, justamente a adversária dos brasileiros.

Enquanto a seleção brasileira seguiu de avião de Frankfurt para Berlim, a Croácia preferiu o trem. Para isso, reservou um vagão inteiro para sua delegação e contou com segurança reforçada – não era possível nem chegar perto dos jogadores e do técnico.

Quando ficaram sabendo da presença da seleção croata, alguns torcedores brasileiros que viajavam no mesmo trem não perderam a chance de fazer a brincadeira: “Vamos sabotar a comida deles!”

Mas, com tamanho rigor da segurança, a seleção croata não correu perigo de ser alvo dos “ataques” da torcida brasileira. Na verdade, não correu perigo nem de ser fotografada pelas pessoas que estavam no trem.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.