Adriana Araújo disputa título mundial do CMB, dia 4 de outubro, em Londres

Adriana Araújo disputa título mundial do CMB, dia 4 de outubro, em Londres

Medalhista olímpica em Londres-2012 vai enfrentar a britânica Chantelle Cameron pelo cinturão vago dos pesos superleves

Wilson Baldini Jr.

14 de setembro de 2020 | 13h48

 

Adriana Araújo vai disputar o título mundial do Conselho Mundial de Boxe (CMB), dia 4 de outubro, em Londres. O anúncio foi feito por Sergio Batarelli, manager da medalhista olímpica em Londres-2012, que vai enfrentar a britânica Chantelle Cameron pelo cinturão vago dos pesos leves.

“Estou me preparando muito bem para essa chance de ser campeã mundial e fazer história. Minha oportunidade chegou e não vou deixar passar”, disse Adriana Araújo, de 38 anos, que soma seis vitórias como profissional.

A britânica tem 29 anos e também está invicta, com 12 vitórias, sendo 7 nocautes. A última luta da número 1 do ranking foi em novembro do ano passado, vitória por decisão unânime contra a argentina Anahi Ester Sanchez. Adriana, a número 3 do mundo, lutou pela última vez em 29 de fevereiro, quando venceu a venezuelana Estheliz Hernandez.

“Estamos com o contrato assinado, passagens recebidas e pré-pesagem feita”, disse Batarelli. “É um marco histórico. A Adriana começou no boxe profissional no Boxing For You, então começamos com ela sem nenhuma luta após a carreira olímpica. É um projeto meu levar a Adriana à disputa de título mundial, eu prometi e está aí, chegou, chegou até antes do que eu esperava!”, disse o também CEO do Boxing For You.

O duelo Adriana x Cameron vai ser disputado na mansão do empresário Eddie Hearn, onde vários eventos já foram realizados com o cumprimento de todos os protocolos de segurança.

Tudo o que sabemos sobre:

boxeAdriana AraújoCMB

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: