Ao se tornar agente livre, Canelo faz com Oscar De La Hoya o que De La Hoya fez com Bob Arum

Ao se tornar agente livre, Canelo faz com Oscar De La Hoya o que De La Hoya fez com Bob Arum

Mexicano negocia luta com Caleb Plant, campeão dos supermédios da Federação Internacional de Boxe, em Dallas, com público, dia 19 de dezembro

Wilson Baldini Jr.

07 de novembro de 2020 | 19h58

 

O técnico Eddie Reynoso anunciou na sexta-feira que Saul Canelo Alvarez é agente livre. Ou seja: vai negociar suas próprias lutas. Com isso, está encerrada a parceria que o boxeador mexicano tinha com o manager Oscar De La Hoya e com a plataforma DAZN.

Livre para acertar seus compromissos, Canelo negocia luta com o norte-americano Caleb Plant, campeão dos supermédios da Fwederação Internacional de Boxe, luta em Dallas, com público, em 19 de dezembro.

Quem vencer deste combate poderá enfrentar o ganhador do duelo britânico entre BJ Saunders e Martin Murray, dia 4 de dezembro, que valerá o cinturão dos supermédios da Organização Mundial de Boxe, que pertence a Saunders.

A atitude de Canelo não é nova na história do boxe. O próprio De La Hoya fez o mesmo com Bob Arum. O lutador quando fica muito famoso costuma assumir toda a responsabilidade de sua carreira.

 

Tudo o que sabemos sobre:

boxeSaul Canelo AlvarezOscar De La Hoya

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.