Bicampeã olímpica e campeã mundial, Claressa Shields vai lutar também no MMA. Quer duelo com Amanda Nunes

Bicampeã olímpica e campeã mundial, Claressa Shields vai lutar também no MMA. Quer duelo com Amanda Nunes

Medalha de ouro olímpica em Londres/2012 e na Rio/2016, norte-americana, de 25 anos, assinou contrato com a empresa PFL e deve estrear em abril

Wilson Baldini Jr.

30 de novembro de 2020 | 22h19

 

Medalha de ouro olímpica em Londres/2012 e na Rio/2016, a norte-americana Clarissa Shields, de 25 anos, assinou contrato com a empresa PFL (MMA) e deve estrear em 23 de abril.

Invicta após dez vitórias (dois nocautes), Shields estreou no profissionalismo em 2016 e unificou o título dos pesos médios no ano passado. Sua última luta foi em janeiro. Ela deve defender os cinturões do CMB, AMB, FIB e OMB em janeiro ou fevereiro de 2021.

A intenção de Shields é se tornar a primeira lutadora a ganhar títulos no boxe e no MMA. Seu sonho é enfrentar a brasileiras Amanda Nunes ou Cris Cyborg.

 

 

Tudo o que sabemos sobre:

boxeClaressa Shields

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.